quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Luís Filipe Vieira, a crise da banca e do Benfica e os malandros do BES

«A culpa é do BES». Já temos resposta para a hegemonia nacional que o Benfica conseguiu perder durante a pré-época. Se não fossem esses malandros, o Benfica não teria vendido Garay, Oblak e Markovic, não precisava de vender Enzo Pérez e Gaitán e ainda dava para chegar a Ricardo, Casemiro, Brahimi e Clasie antes do FC Porto. É isto que nos estão a querer «vender». Será que é mesmo assim?

Vamos fazer essa coisa extremamente complicada, que pelos vistos não está ao alcance de muitos cronistas e opinion makers: abrir o último relatório e contas. Se não fosse o BES, o maior parceiro bancário dos 3 grandes, o Benfica nem sequer teria chegado a Garays e Rodrigos, até porque é accionista do Benfica Stars Fund (que comprou 20% de Cardozo por 4 milhões e agora recebeu... 1 milhão!), de onde a SAD já tirou mais de 50 milhões de euros. Mas, sabe-se lá porquê, a culpa disto tudo é do BES.

Gestão segundo
Luís Filipe Vieira
Qual não é o nosso espanto quando abrimos o último relatório e contas... e o Benfica não tem mais nenhum compromisso com o BES até ao final de 2014. Calma, há algo de errado! Então não foi por causa da crise do BES que o Benfica teve que vender Oblak, Markovic, Garay e Cardozo? Ups!

Até ao final de 2014, o Benfica mantinha um único compromisso com o BES: em abril tinha maturidade o empréstimo de 64,3 milhões de euros. Então Luís Filipe Vieira passou à acção: empréstimo obrigacionista de 50 milhões lançado em dezembro e vendas de Matic, Rodrigo e André Gomes por 58 milhões (antes de comissões e impostos). Já dava para cumprir o empréstimo e liquidar o único compromisso financeiro com o BES até ao fim do ano. Então, porquê a debandada depois de abril?

Logicamente, nenhuma SAD reduz de uma só vez o passivo de forma tão grande. Há renegociação, troca de garantias, renovação, diversas formas de empurrar com a barriga. Então o BES, esses sacanas, lembraram-se de dizer: não, agora vocês têm que nos pagar parte do que nos devem. Como se atrevem, BES!?!? Como será possível não revalidarem o crédito a um clube cujo passivo consolidado, incluindo todas as sociedades participadas pela SAD, supera os 600 milhões de euros!?!? Então não vêem que eles têm um grande activo, um grande património!?!? O Benfica, através da Benfica Estádio, só deve ao BES/Milennium bcp 76,153 milhões de euros! Isso são peanurs, BES!

A exposição do Benfica ao BES é pequenina, são só 113 milhões de euros! O FC Porto, esse clube falido que perdeu a hegemonia no último ano, é que está de rastos, imagine-se que a exposição deles no início da época era de uns pornográficos 34 milhões de euros, um terço do Benfica! O FC Porto tem uma exposição ao BES de 15% do total dos três grandes, enquanto o Benfica tem apenas mais de metade! Sacanas, BES!

Oh Salgado, então
travaste a hegemonia?
Pois é, o BES fechou a torneira. Seguiu o exemplo de BPI e do BCP antes da crise da dívida soberana, ele que era o único banco a dar a mão aos 3 grandes. O Sporting apertou o cinto, fez uma boa reestruturação financeira, mesmo recorrendo a capital angolano e com uma participação d'aquele-cujo-nome-não-deve-ser-pronunciado em Alvalade (quem? perguntem ao presidente da transparência). O FC Porto sempre teve a SAD com menor exposição à banca e com menos empréstimos bancários a saldar, logo é a SAD com melhores condições para responder ao novo desafio do futebol português: gestão sem crédito bancário. Alternativas? Empréstimos bancários com garantias extraordinárias (o FC Porto fê-lo com o BES com Mangala e/ou Jackson, dois jogadores de calibre internacional), recurso a banca estrangeira (caraças, onde andam os russos do Bruno?), fundos de investimento (que têm os dias contados) ou... empréstimos obrigacionistas.

É isso! É a salvação do Benfica, empréstimos obrigacionistas. Vamos apelar ao clube com mais sócios do mundo! Subscrevam um novo emprést... Ahm... Ups. Não, não é possível, ninguém nos tinha avisado! O Benfica tem a liquidar em outubro 35 milhões de euros e em dezembro 50 milhões por empréstimos obrigacionistas!?!? E o total em empréstimos obrigacionistas ascende a 130 milhões de euros!? Mas espera lá, isto não é... hum... Maior do que a dívida do Benfica ao BES?

Eureka! Eish, está aqui o problema: o Benfica deve 85 milhões de euros em empréstimos obrigacionistas até ao final de 2014, e o dinheiro de Matic, Rodrigo e André Gomes já não entra aqui. Ora, vamos lá à moda do Guterres: fazer as contas. Oblak, Garay, Markovic, Cardozo... Hmmm, chega aos 85 milhões? Não!? Ena, vamos ter que vender o Enzo Pérez e o Gaitán!? Caraças, se ao menos soubéssemos que isto ia acontecer...

Pobres benfiquistas. Como poderiam eles saber que, enquanto festejavam o triplete dos pobres no Marquês, estes números estavam todos chapados nos relatórios e contas da SAD à qual pagam quotas? A culpa é dos sacanas do BES! Mas há quem culpe Luís Filipe Vieira, o presidente cuja primeira década no Benfica coincidiu com a melhor década da história do FC Porto. Oxalá chegasses à segunda, Vieira, mas enquanto a banca não vai deixar cair o Benfica (embora vá levar uns belos furos no cinto), parece que não terás a mesma sorte. Ou esperem...

Terá Luís Filipe Vieira tido o seu momento Ferreira Leite? Terá Luís Filipe Vieira antecipado toda a crise no Benfica (bem, qualquer pessoa que olhasse para os relatórios e contas antecipava facilmente a razia, mas adiante)?

Vieira, o sucessor de
Manuel Ferreira Leite
20 de março de 2014. A SAD do Benfica vive o seu momento alto na bolsa em toda a época, com as acções a atingirem uma cotação de 3.02. O Benfica torna-se uma sensação na bolsa... e Vieira aproveita! Na mesma semana, vende 73.906 acções, a valor unitário mínimo de 2.30, e encaixa uns modestos 190 mil euros. Para um presidente que se orgulha por não ser remunerado, embora adore negociar com clubes que têm projectos de construção de infraestruturadas, já é uma bela reforma, Luís Filipe!

Mas calma, a premonição não ficou por aqui. O momento Ferreira Leite de Vieira voltou a sentir-se entre os festejos do triplete e vendeu mais 22.479 acções, por 58 mil euros. E ainda dá para manter 3,28% do capital da SAD. 

Luís Filipe, um visionário: no início de junho, as cotações da SAD do Benfica, face ao dia 20 de março, sofriam uma «ligeira»... desvalorização. As cotações baixaram para 1.1 e à data de hoje estão nos 1.02. Mas Luís Filipe Vieira, como brilhante gestor que é, soube que ali, no dia 20 de março, era o dia ideal para vender. Mas os pobres dos investidores comuns só agora estão a ser aconselhados pelos gestores bancários a venderem as acções da SAD do Benfica, que à boa maneira moodyana são consideradas lixo neste momento. O burro não é ele. 



E agora, como tapar estes 85 milhões de euros de empréstimo obrigacionista até ao fim do ano? Dá para emitir um quarto empréstimo obrigacionista? Não, não, muito difícil, as subscrições são cada vez mais curtas. O FC Porto, por exemplo, quis emitir um de 15 milhões de euros, mas aquilo está tão falido que a procura superou a oferta em 13 vezes! O FC Porto pediu 15 milhões de euros, os investidores quiseram emprestar-lhes 195 milhões!

Como podemos nós competir com tamanha e tão competente gestão!? Entreguemos as faixas, ninguém pára o Benfica. Ah, só mesmo os sacanas do BES...

67 comentários:

  1. Muito bom trabalho!

    Acho que ainda falta falar ai do fim Benfica Stars Fund ainda este ano, e os custos que uma possivel recompra dos passes acarreta :)

    Cumps,
    Ribeiro

    ResponderEliminar
  2. Parabéns pelo grande trabalho! Poderia colocar isto nalguns blogs da treta com pseudo economistas vermelhos!
    Já agora reparei que colocou Classie como jogador do Fcp!:*)
    Mas o CM fez manchete hoje que o Benfica tenta desviar o mesmo do fcp!
    Ai tá tudo a arder! Será que vão dividir o Benfica como fizeram com o Bes?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Impossível. O BES dividiu-se na parte boa e na parte má...
      O 5lb só tem uma parte.... Se é que me faço entender xD

      Eliminar
    2. A boa esta toda a ir ao AR!!!! eheheheh
      Ficam apenas os ativos Toxicos!!!:)

      Eliminar
  3. Embora tenha gostado do post, acho que este espaço devia ser mais porto e menos Benfica, do género de não me fazer sentido também que as claques cantem slb slb slb filhos da Pu€€ no jogo everton porto! Creio que temos de ser grandes, quer dizer isso já somos, mas temos de ser maiores, temos de ser campeões e ponto final! Gosto deste espaço quando fala do meu clube. E por falar nisso o que dizer do nosso Opare que está sempre lesionado? Esta todo roto o menino, começo a ficar intrigado.E craques? Avançado está aí? E o médio...isso sim anima uma pessoa, agora a guita que nós andam a comer...sim porque estes €s vão sair do nosso bolso...isso não interessa nada!é apenas uma opinião.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. «acho que este espaço devia ser mais porto e menos Benfica» - E este espaço é mais FC Porto e menos Benfica. Por isso é que este é o primeiro post que encontra no blog cujo foco é dedicado ao rival, embora também aborde a diferenciação com a exposição bancária do FC Porto. É um tema afecto os 2 clubes.

      Em relação à última parte, a opinião aqui fundamenta-se. Esteja à vontade para o fazer.

      Eliminar
    2. Obrigado pela exposição. Costumo ver esta comparação de relatórios e contas noutros blogues (escritos a vermelho...) e a convicção do contrário que aqui expôs é tão grande que me deixam por vezes a duvidar... :)

      um abraço e parabéns pelo espaço.
      Miguel Fontes

      Eliminar
    3. Completamente de acordo TD
      É o primeiro post sobre a concorrência e é muito bem vindo, devemos saber o que lá se passa
      Aguardo com expectativa os próximos tempos em carnide

      Eliminar
    4. João, dos três clubes mencionados no comentário, apenas um foi escrito com letra maiúscula...

      Em relação ao post, mais uma excelente análise do TdD salteada com sua a típica ironia. Adoro ler os textos aqui publicados.

      Eliminar
  4. Genial post, muitos parabéns caro Dragão (Tribunal do Dragão é muito longo!)

    ResponderEliminar
  5. Cinco estrelas!!! Lolada.

    FCP777 Obrigado :)

    ResponderEliminar
  6. Sou Benfiquista mas estao ai muitas verdades sobre o vigarista do nosso presidente que ja merecia uma estatua no dragao por tudo o que vos tem dado...

    Cumprimentos

    Daniel

    ResponderEliminar
  7. TD a publicar mais uma vez o que a CS vermelha não o faz!!!

    Uma pergunta, será possível convencer Clasie e Jimenez a virem para cá? Não é pedir muito? Temo que as contas do FC Porto não estejam muito melhores do que as do Benfica!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é preciso convencer os jogadores, é preciso é convencer o America e o Feyenoord. E não entrar em loucuras, já agora, pois o play-off da Champions (já a contar com o podemos encaixar de market pool) vale qualquer coisa como 20% do nosso orçamento.

      Em relação às nossas contas, consultem o separador «Contas da SAD». O que não falta lá é análises que nem na imprensa desportiva encontram (talvez na económica e especializada).

      Eliminar
  8. Lindo! Que post meus deus!

    E não ligues a quem critica falar aqui do inimigo. TdD, achas mesmo então que eles vão vender Enzo E Gaitan ?? Pensei que quando muito só vendessem o Enzo. Será que eles vão atacar agora o mercado, ou não ha mesmo graveto ? Se eles não abrem os cordões a bolsa e não se reforçam, ainda vão de 1ª para 3º, é que é direitinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda vão ter alguns reforços interessantes, pelo que ouvi.

      Este post não é para fazer um funeral ao rival, é simplesmente para desmistificar a história de que «a culpa é do BES». Não é, é a gestão do clube que diz que destronou o FC Porto.

      Funeral não faço. O Benfica não vai deixar de ter um plantel melhor do que 15 das 18 equipas do campeonato. E nos clássicos tudo pode acontecer. Partimos todos com 0 pontos.

      Eliminar
    2. Concordo temos que olhar para dentro! O Playoff está aí, e vamos ver se o passamos!
      Mas além do Jiménez e do Classie, mais nada previsto?
      O Benfica tem um bom treinador, trabalho de continuidade e identificado com o clube , Lopetegui é uma incógnita!

      Eliminar
    3. Lopetegui não é uma incógnita, é o máximo responsável por termos conseguido formar um dos melhores plantéis que já tivemos.

      O resto, a seu tempo, ele há-de mostrar, assim confio.

      Eliminar
    4. Plantel concordo, equipa veremos...
      Formar um bom coletivo requer tempo!

      Eliminar
  9. Muitos Parabéns TDD está fantástico este post devia coloca-lo no face para toda gente ver que não estamos na falência e abrir os olhos a muito boa gente e ajudar a desmascara essa CS da lampionagem sem escruplos.
    Muito obrigado continue com o excelente trabalho.
    Saudaçoes Dragonianas.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  10. Perfeitamente espectável esta situação e só não via quem não quisesse...

    O benfica investiu, investiu e investiu até à exaustão e mesmo num ano em que o Porto estava a apalpar terreno para ver como se poderia mexer financeiramente (o ano passado) o benfica voltou a investir forte metendo um empréstimo obrigacionista "medonho"(mais de 40M€) e com juros de 8% se não estou em erro.

    Depois meteu-se no "ovo de colombo" btv que pelos relatórios que tenho visto, está a perder dinheiro considerando a oferta que a Olivedesportos fez... a btv é sempre falada em ganhos, sem nunca ser comentado os custos de aquisição de transmissão, custos com pessoal, custos com estúdios, material, etc... (seria interessante TdD fazer uma análise dos custos/proveitos do Porto Canal, sem com isto saber sequer, se existe alguma relatório de dados para ser analisado).

    Quando os vermelhos e a CS afecta a eles, falam do suposto "all-in" do Porto (já aqui desmistificado), estão a falar com conhecimento de causa pois foi o que o benfica andou a fazer até à exaustão, porque tinham de ganhar um campeonato ou senão suicidavam-se todos... Promessa comprida e LFV versão Ricardo Salgado também.

    E um último anexo... o BES não vai dar mais abébias a ninguém... agora com esta divisão e com a necessidade de devolver 5mil M€ ao estado nos próximos 6 meses, ou com juros penalizadores renováveis de 3 em e meses, até ao máximo de 2 anos, eles vão andar a procurar dinheiro desesperadamente portanto ou pagam ou vão para contencioso.

    ResponderEliminar
  11. Olá
    relevo esta frase do TdD que explica as razões deste post:

    " Este post não é para fazer um funeral ao rival, é simplesmente para desmistificar a história de que «a culpa é do BES». Não é, é a gestão do clube que diz que destronou o FC Porto".

    Nada de amesquinhar o adversário...o importante é esclarecer...colocar os pontos nos iiiis.
    Temos que respeitar para sermos respeitados!

    Cumprs
    Augusto

    ResponderEliminar
  12. Bom dia companheiro,

    Concordo com quase tudo. Essas contas de que falas, são a realidade do meu clube, das quais eu já estava a par. A mim e aos Benfiquistas mais atentos, não contas nada de novo. A muitos dos outros Benfiquistas também não, eles simplesmente ainda se recusam acreditar. outros, como meu pai, só quer saber de bola, o resto passa-lhes ao lado, e presumo que a maioria dos adeptos seja assim, mas em qualquer clube.

    O teu único erro em todo o post foi comparar com as contas do Porto, porque no Porto as contas apresentadas são, como diria o Franco Bastos nas manhas da 3, são... OUTRA COISA.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  13. Boa tarde,
    Foi com enorme prazer que li este artigo,e desde já os meus sinceros parabéns pela opinião. No entanto, e com todo o respeito pelo autor, face às conclusões a que cheguei após a leitura do mesmo percebo que isto é apenas isso: uma opinião.
    Partindo pelo princípio: no relatório e contas publicado, consolidado, não consegui perceber de onde vêm os 600 milhões de passivo. Tanto quanto sei, são pouco mais de 400 milhões, e aqui não discuto se são pouco ou muito, apenas penso que o número tem a maior importância.
    Em segundo lugar, parece-me que os empréstimos obrigacionistas (85M) têm como credor uma empresa do grupo, algo que a ser factual não tem o mesmo impacto que no caso do FCP que tem como credores obrigacionistas, indivíduos e instituições alheias.
    Em terceiro lugar, e aqui irei expôr a minha opinião, o facto da procura ao empréstimo do FCP ter superado a oferta em 13 vezes reflecte em grande parte o lado emocional dos investidores, e não a percepção do risco tendo em conta a situação financeira do clube. No caso do SLB, e clubismos à parte, poderíamos esperar semelhante comportamento dada a conhecida e grande massa associativa disposta a tal, como foi demonstrado à alguns anos na chamada "operação coração".
    Em quarto lugar, sendo inteiramente verdade a descrição das operações do LFV, não têm qualquer validade argumentativa contra a situação financeira do SLB, servem apenas para teorizar sobre algo que se suspeita acontecer (e concorda inteiramente com a ideia que tentaste passar). No entanto não nos podemos esquecer que também as acções do FCP não são transaccionadas de forma transparente, sendo que em vários dias foi o próprio presidente a actuar no mercado como comprador, para manter o mínimo de volume e o preço não cair ainda mais. Aqui poderíamos falar no problema dos comissionistas do FCP, onde o próprio CEO aje contra os interesses do clube apenas para salvaguardar a sua comissão numa offshore, excluindo por isso alguns jogadores, mas isso não é o tema..
    Finalmente gostaria de ressalvar que estou totalmente aberto a respostas, e que o meu objectivo foi apenas clarificar alguns factos, que intencionalmente ou não, enviesaram a percepção daqueles mais desatentos que leram o artigo.
    Cumprimentos,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma coisa é o passivo da SAD, outra é acrescentando o passivo do clube, da Benfica Comercial, da Benfica Multimédia, da Benfica TV, um passivo que não estava declarado e que foi identificado na revisão da KPMG, e ainda os créditos que a SAD tem do clube.

      Quem quiser que some, que isto já não entra no campo das minhas preocupações.

      No «lado emocional» dos investidores, não concordo em pleno. Nenhum investidor gosta de perder dinheiro, nem que seja pelo clube do coração. O FC Porto tem sido um clube cumpridor nesse aspecto, além de que não emitimos empréstimos obrigacionistas de 50 milhões de euros, uma barbaridade, independentemente da referida existência de tendo como credores empresas do grupo.

      Quanto a isso que afirma do FC Porto, a diferença é que não há como provar isso (esteja à vontade para o fazer, por favor); já neste tema do SLB, os números são todos oficiais. O facto do presidente comprar acções não tem nenhuma conotação negativa, pelo contrário, nada melhor do que reforçar a confiança dos investidores do que comprando ele próprio acções.

      Já agora, o tema deste post não é Benfica vs FC Porto, é Benfica vs BES.

      Abraço

      Eliminar
    2. Em relação ao passivo do R&C, é o consolidado, que integra não apenas a SAD. No último relatório de auditoria da KPMG o total de passivo do grupo não ultrapassa os 500M.

      Quanto ao lado emocional, investir com essa perspectiva não significa que se goste de perder dinheiro, mas apenas que a percepção do risco estará enviesada pelo sentimento clubístico, algo que é inteiramente reconhecido, seja no caso do FCP, SLB ou SCP. Como exemplo vejam-se as obrigações emitidas por empresas do PSI como Sonae com a taxa ao mesmo nível, em que a procura não regista o mesmo nível, e a capacidade financeira é indiscutivelmente superior a qualquer clube.

      Quanto ao que afirmo do FCP, como evidente carece de provas mas é tão válido como a ideia que sugere:
      "Para um presidente que se orgulha por não ser remunerado, embora adore negociar com clubes que têm projectos de construção de infraestruturadas". No fundo ambos sabemos que são verdade, quer no caso do FCP, como no SLB.

      Repare que com esta resposta ao seu artigo tenho apenas como propósito que relate factos sem deturpações, dado que a maioria dos leitores interpreta depois a quente o que lê, e as conversas de café como consequência acabam em "bitaites" totalmente errados. Tenho a certeza que o autor tem o domínio do que fala, no entanto, e com toda a consideração, seria bem mais útil ao blog e aos seus seguidores, que expusesse os factos sem enviesamentos populistas.

      Cumprimentos

      Eliminar
    3. João Ferreira,
      Apesar de lhe atribuir um GRANDE defeito (ser Benquista) foi com muito agrado que li as suas respostas educadas, construtivas e factuais.
      Devíamos falara todos nesta "língua" e não a dos clubes ...
      Abraço
      Francisco

      Eliminar
    4. "Uma coisa é o passivo da SAD, outra é acrescentando o passivo do clube, da Benfica Comercial, da Benfica Multimédia, da Benfica TV, um passivo que não estava declarado e que foi identificado na revisão da KPMG, e ainda os créditos que a SAD tem do clube.

      Quem quiser que some, que isto já não entra no campo das minhas preocupações."


      Acabei mesmo agora de somar:
      Benfica SAD: 423M€ (incluindo a Benfica Estádio, Benfica Stars Fund (15%) e a Benfica TV)
      Parque do Benfica SA: 2M€
      SLB SGPS: 44M€
      SLB Multimédia: 1M€

      Passivo de 470Milhões do Grupo ainda bastante longe dos 600Milhoes que são comentados.

      Entretanto a situação pode ter alterado claro, mas até nova actualização dos dados os valores são esses.

      nota: há um empréstimo de 45M€ da SAD ao clube que empola o valor do passivo da SAD do Benfica.


      Já sabiamos perfeitamente que a crise no BES não era para aqui chamada. A única coisa que a crise do BES trouxe é a confirmação em que os clubes terão mais dificuldade em se financiar. Alias o FC Porto é que neste momento tem um emprestimo do BES com data de vencimento em Outubro de 2014 (e o Sporting estava altamente ligado ao BES devido sobretudo ao Ricciardi). Ah e o emprestimo do BES ao FC Porto são de 30 Milhões!
      No meio disto tudo o clube com um enorme prejuízo de acordo com o último R&C (cerca de 40M) vai meter-se a comprar jogadores num total de mais de 30milhões. Sinceramente não sei é onde o FC Porto se vai financiar e pagar esse emprestimo. O jackson não será vendido, portanto apenas resta o Mangala, mas o FC Porto apenas detêm 56%. Na melhor das hipoteses serão 24Milhões(falta descontar as comissoes e impostos)

      E isto já para nem falar do Sporting que já entrou em falência técnica há muito.



      No meio disto tudo vivendo num país de dívidas, de troika, de prejuízos, de falência, um país de tesos e gasta-se milhões e milhões em futebol. Que crime é todos os clubes aumentarem a dívida num periodo de medio a longo prazo. É tudo a mesma merda para falar mal e depressa. Ninguém está preocupado na dívida, todos os adeptos dizem que os outros estão falidos e que vão à bancarrota( os portistas dos benfiquistas, os benfiquistas dos sportinguistas, e os sportinguistas dos portistas) e no ano seguinte lá estão eles todos a contratar camones para que os adeptos possam ter uma festa no final do ano.

      Eliminar
    5. Viva. Quando se fala de mais de 500 milhões de passivo, está-se a falar de todo o perímetro de consolidação da SAD mais o clube. Ou seja, há a juntar o passivo do clube aos 470 milhões que apresentou. O total é então superior a 500 milhões.

      "nota: há um empréstimo de 45M€ da SAD ao clube que empola o valor do passivo da SAD do Benfica. "

      ?????
      Se a SAD empresta ao clube então entra na SAD com activo (direito a receber) e entra no clube como passivo. Nunca entra para o passivo da SAD. De qualquer maneira considerando o total do universo Benfica (perímetro de consolidação da SAD mais o clube), esta operação é irrelavante porque tem que se excluir os efeitos intra-universo.

      Eliminar
    6. "Viva. Quando se fala de mais de 500 milhões de passivo, está-se a falar de todo o perímetro de consolidação da SAD mais o clube. Ou seja, há a juntar o passivo do clube aos 470 milhões que apresentou. O total é então superior a 500 milhões."

      1 - Vá reler o que foi escrito se faz favor, para não ter que me repetir.

      2 - Empola o Activo e o Passivo da SAD pois claro. A SAD tem 45M€ de activo (divida do clube à SAD) e tem passivo (financiamento).

      Mas que eu saiba ninguém neste tópico fala em activos, toda a gente fala é em passivos e como tal referi apenas o passivo da SAD em 423M relembrando esses 45M.

      Esclarecido?

      Eliminar
  14. Quero dizer-vos o seguinte:vivemos numa época de grande agitação social.Vivemos numa época de prpbreza extrema...com a qual ninguém se preocupa.A clubite tal como no tempo da ditadura,continua a interessar ao grande capital.1º DIVIDIR para reinar.2ºALIENAR mentes.3º Enriquecimento de uns tantos à custa da pobreza de uns mais que muitos.Sinceramente não aprendo nada com os meus adversários futebolísticos ou políticos.Certamente ninguém aprende nada comigo também.Uma coisa é certo: Os banqueiros estão metidos nos grandes clubes.Temos produtos tóxicos na banca.Os clubes(alguns) são parte desse produto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claramente não sabes o que é um produto tóxico...

      Se os clubes fossem produtos tóxicos, no caso deste artigo, o benfica, amanhã o clube era executado fechado e o património vendido ao desbarato... isso é um produto tóxico.

      O benfica precisa de vender exactamente para não entrar em incumprimento e entrar na orla judicial, onde poderia ter de pedir insolvência e passar a ser um produto tóxico.

      Outra das técnicas que os clubes sempre usaram, foi renegociar e prolongar os prazos de pagamentos que agora com o BES no estado em que está, não irá aceitar certamente, ainda para mais quando se sabe que o benfica ainda tem onde ir buscar dinheiro e para mais, a nível de obrigacionistas, não existe remodelação de dívidas (pode sim haver contra empréstimo para pagar o que está a vencer, como o Porto fez o seu).

      Eliminar
    2. Concordo com o anomimo.
      Todos os clubes estão individados se não é ao BES, é ao BPI ou a outro banco qualçquer.
      Dizer que só um está não é correto.

      Eliminar
  15. Como se o futebol fosse a coisa mais importante no país...por isso Portugal, está ao nivel do 3º mundo!

    ResponderEliminar
  16. Boa tarde.

    Esitve a ler com muito interesse este post. De facto, é evidente que a generalidade da nossa comunicação social não abre os relatórios e contas das SADs e dos clubes. E não abre porque há pouquíssimos jornalistas em Portugal capazes de interpretar correctamente o que lá está escrito. Escrevem um conjunto de banalidades e uns quantos disparates, confundindo resultados com tesouraria, custos com saídas de dinheiro e rendimentos com entradas do mesmo. Depois somos brindados com pérolas inqualificáveis. E, por isso, têm de ser os adeptos dos vários clubes, a fazer esse trabalho, na blogosfera, em fóruns, etc.

    Adiante, o texto explica, claramente, a situação financeira do Benfica. No entanto, não posso deixar passar duas ou três situações que detectei e que, não afectando em nada a ideia transmitida (até chegam a reforçá-la), não me parecem corretas:

    - As acções do Benfica não desvalorizaram 200% entre março e junho. Perderam apenas dois terços do seu valor. Se valessem 0,00 euros, teriam perdido a totalidade do seu valor, logo 100%. Mas como só perderam cerca de dois terços, a desvalorização será de, aproximadamente, 66% mais coisa, menos coisa (não fiz os cálculos)
    - É dito que o Benfica não tem qualquer empréstimo por vencer esse ano, para pagar ao BES. De facto, de acordo com o último R&C, o único empréstimo nestas condições venceu-se em abril. Sucede que estamos a falar de um descoberto bancário, ou conta corrente caucionada, que, por norma, a não ser que alguma das partes se manifeste, é automaticamente renovável por 3 meses, ad eternum. Ou seja, o Benfica ainda pode dever esse dinheiro, ou parte dele ao BES. Não dispondo eu de qualquer informação sobre o assunto, creio ser necessário aguardar pelo próximo R&C do Benfica, para se perceber como está essa situação.
    - Quanto ao empréstimo obrigacionista do FCP, sendo certo que o facto de haver muita procura é bom sinal, uma procura 13 vezes superior à oferta indicia que a taxa de juro oferecida foi exageradamente alta. E isso não é motivo de orgulho nenhum e é um mau sinal quanto à nossa gestão.

    ResponderEliminar
  17. No 4ª parágrafo deverá ler-se "Até ao final de 2013".

    Excelente análise, mais uma vez!

    ResponderEliminar
  18. Sobre este assunto só digo isto:
    Quem chouriços vende e porcos não tem, de algum lado lhe vem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora é que disses-te tudo.
      Os três grandes a viver acimas das possibilidades.
      Se não venderem vão há falencia.
      Todos eles tem emprestimos obrigacionistas....
      E não só...

      Eliminar
  19. TdD, eu já venho dizendo isso há muito tempo. Há ainda três outros dados que não referiste mas que são relevantes:
    1. O papel comercial emitido pela Benfica SAD (de certeza colocado através da ESLiquidez, tal como sucedeu com os empréstimos obrigacionistas) que ascende a cerca de 25M€ e que tem vencimento de curto prazo.
    2. Cerca de 18M€ que o Benfica tem de arranjar até Setembro para resgatar os passes que estão no Benfica Stars Fund, por força da decisão do BES em não prorrogar o prazo de vigência do Fundo.
    3. Os juros dos empréstimos obrigacionistas a liquidar com o vencimento dos mesmos.
    Li ainda algures nos comentários a este post, que o empréstimo obrigacionista emitido pela Benfica SAD, no montante de 85M€, tem como credor o clube.
    Isto é falso e destituído de sentido.

    ResponderEliminar
  20. Que grande texto de um grande blog. Visitarei assiduamente. Diz-se à boca pequena e, lá está, são apenas meras suposições, que o Orelhas anda a construir estádios de "n" clubes com os quais transaccionou jogadores. A promiscuidade entre a vida empresarial e o exercício do cargo de presidente dos lampiónicos é evidente. Duvido que conseguisse o mesmo tipo de negociatas que tem feito, sem ocupar tal posição, por isso não o larga nem que lhe queiram dar uma carga de lenha à porta de uma AG. Assim como duvido que o deixassem dar um calote de 17 milhões ao BPN, mas psssssssst, ninguém viu...e quanto à operação coração que alguém referiu. Tal não passou de um perdão fiscal encapotado, coisa que nenhum outro clube teve ou terá. Perguntem à M. F. Leite.

    ResponderEliminar
  21. Apesar de eu ser do vosso grande rival (Benfica), é de louvar neste texto o desmontar do «milagre financeiro» tão propalado por LFV e que é acreditado como uma verdade absoluta pela maioria dos benfiquistas, claramente desinformados da catastrófica situação financeira no meu clube. Como por exemplo o sucessivo esturricar de empréstimos obrigacionistas, foi essa a alavanca para o chamado «milagre financeiro». Vivemos estes anos acima das reais possibilidades, e agora que o BES f****, é pagarmos a tal vida de rei que tivemos nestes anos...

    Quando num blog portista se alerta para a real situação que o Benfica vive, é elucidativo do estado em que o meu clube se tornou. Só os vieiristas burros é que não percebem peva do que se passa...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nao sou vieirista mas muito menos Azevedista...

      Eliminar
  22. Boas, sei que estou em anonimo nao tenho nenhuma conta blogger e nao sei por com nome mas sou leitor assiduo do blog e gosto bastante acho que podia ou podiam criar um xat atraves do xat.com e criar um separador no blog e coloca-lo la evitava o facto de ter tantos comentarios e o pessoal falava todo lá, é só uma ideia que gostava de expor, nem presisam de aceitar o comentario

    ResponderEliminar
  23. tribunal o feyenoord foi eliminado, gostava de ver um post a falar do jovem clasie e a possibilidade de ingressar no porto, desculpe pedir isto mas gostaria de saber a sua opinião e aproveitar a sua sabedoria :)
    obrigado.

    ResponderEliminar
  24. Pagar 6,75% a 3 anos indicia bastante risco embora já tivessem pago a 8%. Sejam sérios, o Porto está melhor mas carrega uma dívida pesada. E a aposta deste ano pode correr mal. Os clubes no sorteio não são nada fáceis.

    Bancada Sul.

    ResponderEliminar
  25. fantástico o FCPorto descobriu e descobre tudo um modelo de gestão exemplar... com quem temos todos de aprender

    ResponderEliminar
  26. Apesar de ser Benfiquista quero dar os Parabens a este post pelo (tao bem utilizado) Sarcasmo com que mostra algumas verdades "escondidas" que muitos dos benfiquistas "não sabem" ou "não querem saber". De facto e com muita pena minha a gestão do maior rival do FCPorto não está à altura. Cumprimentos RubenFarias

    ResponderEliminar
  27. Olá
    Relevo o facto de muitos benfiquistas por aqui passarem e deixarem comentários construtivos, o que demonstra que se pode escrever sobre clubes rivais, assuntos que também a eles dizem respeito. Discutem-se factos e ideias com respeito mútuo...e isso é sempe de louvar.
    Até por isso, este blog marca a diferença.

    Cumprs
    Augusto

    ResponderEliminar
  28. Este post peca por falta de rigor. A realidade é bem diferente, e ainda mais pesada.

    Assinado: Um Benfiquista atento ao ssu clube.

    ResponderEliminar
  29. Pronto eu num percebo muito da economia dos clubes mas parece me que os benficistas tao falidos num é??? Eu ja tinha avisado que eles num se aguentavam se muito tempo. Hincha benficistas Obrigados e forsa PORTO
    Ass. Josue Vitoriano

    ResponderEliminar
  30. O fundo de investimento espírito santo liquidez, gerido pelo (antigo) BES, tem em carteira 17.5 Milhões do empréstimo obrigacionista que vence em out-14 e mais 50 Milhões que vencem em dez-14, conforme está divulgado no site da CMVM. Noutros tempos, o BES faria o roll da dívida. Nova emissão, nova subscrição. Face ao que vinha acontecendo desde o final do ano no BES, o benfica já estava avisado que tinha de procurar fundos noutra paragem. mas o BES era praticamente o único banco que abria cordões à bolsa aos clubes de futebol. É esta pressão adicional de tesouraria, que está a condicionar o benfica a vender. Não pode arriscar não pagar.

    ResponderEliminar
  31. Boa exposiçao de factos embora ache a analise parcial por omitir certas informaçoes pertinentes.

    Quando comparamos o endividamento bancario do Benfica com o FCPorto era de bom tom se saber quanto a EuroAntas deve e a quem, do emprestimo/s feitos aquando da construçao do estadio do dragao. Sera q o creditos realizados foram feitos na totalidade ou em parte ao BES ? Em caso afirmativo, sera q desmonta a teoria aqui apresentada ? Era salutar se ter mais rigor para ter ideias concretas.

    Quando fala de +/- 76M de divida ao BES/Millenium, tb era de bom tom se saber qual a fatia respeitanto ao BES visto q é disto q trata o topico, nao sabendo a % q cabe a cada um é facil demais imputar a totalidade ao BES.......digo facil pra nao dizer falso.

    Alguns ja aqui falaram q a extinçao do fundo de jogadores sob tutela do BES tb tem influencia na "necessidade" de venda, escrevi entre aspas pq a necessidade pode até nem ser de liquidez, mas sim de liquidar % de jogadores sem ter q reembolsar a totalidade do pago na altura da venda ao fundo. Por outras palavras e tendo por exemplo o Cardozo, o fundo pagou 4M por 20% do Cardozo, no final do periodo o Benfica teria de reembolsar o fundo em quanto ? Acredito q os valores sejam reajustados em funçao do valor de mercado, mas vendendo o jogador, o fundo recebeu 1M q lhe correspondia e eliminou-se um problema de ter q reinvestir num jogador numa fase ja adiantada de carreira. Outros jogadores do fundo vao ser ou ja foram vendidos com base num pensamento puramente economico de custo/proveito, resumindo, nao valem hoje o q o fundo pagou por eles, darei o exemplo do Sidnei.

    Sobre os emprestimos obrigacionistas, basta um olhar mais distraido no relatorio e contas do FCP para constatar q outras instituiçoes bancarias q nao o BES prestam este tipo de serviços, alias bastaria ver q nao so o BES garantiu este serviço ao SLB mas tb o BCP. Certo q 50M num empestimo obrigacionista é um valor algo elevado, mas se a procura foi superior a oferta (menos em % q o do FCP, mas maior q a oferta), nao sera dificil perceber q outro pode ser viavel, talvez de valor inferior mas viavel......logo um parcial de emprestimo poderia ser substituido por outro emprestimo obrigacionista.......ou nao sera este o normal procedimento de todas as SAD's ??? O FCP nao substituiu um de 15M ha poucos meses por um de 20M ? Nao acho q seja um bom principio, mas é infelizmente a regra de todos.

    Nao venho com isto dizer q tudo q escreve é falso, muito pelo contrario, acho q parte do q esta a acontecer se deve ao aqui explanado, mas vejo algumas omissoes q poderiam dar asos a uma nova interpretaçao.

    Na proxima 5ª feira o Presidente do Benfica ira explicar um pouco o q esta a suceder.........espero q fiquemos esclarecidos........ou nao........

    Cumprimentos e parabens pelo blog.

    Nelson.

    ResponderEliminar
  32. Sou benfiquista e ha anos q alerto os meus amigos de clube. Fiz 2 artigos ha´cerca de 3 semanas sobre isto.
    Excelente artigo este que podia ter sido mais aprofundado.
    Se querem uma sugestaõ vasculhem as empresas do LFV!

    Saudações Benfiquistas

    ResponderEliminar
  33. Apesar do desportivismo e educação com que alguns (a minoria) benfiquistas abordaram este espaço, sobretudo porque nota-se que estão preocupados com o clube (mesmo que sejam apenas 13%), vamos lembrar o essencial: estão num blogue do FC Porto, de e para portistas, e é neste registo que vamos continuar.

    Tudo aqui é azul, até o lápis. Saudações!

    ResponderEliminar
  34. Boa Tarde TdD

    Uma duvída. Tendo o Benfica necessidade de cumprir com um volume tão elevado de obrigaçoes ( cerca de 200m€). Não é verdade também que se o conseguir efecturar
    através da alienação dos activos jugadores, vai conseguir abater o correspondente valor
    ao passivo? Dessa forma ficando com um passivo menor ou igual ao porto, mas com
    receitas operacionais, excluindo jogadores 10mE acima do porto? Dando margem para no futuro ficar com muito mais margem financeira para investir?

    Fico de certa forma preocupado como portista que no final, apesar de 1 ou 2 anos em que eles vão andar a penar desportivamente, este cenário de abatimento brusco da dívida não
    seja uma mais valia para eles?

    Obrigado

    Filipe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite.
      A verdade é que o Benfica irá reduzir bastante o passivo, mas as pessoas têm de pensar um pouco mais á frente. O Benfica apesar de reduzir o passivo perdeu um dos seus parceiros de negocio(BES) , o que levará a se quiser jogadores mais caros possivelmente a investir mais.
      Devemos acrescentar que se o Benfica fizer uma época aquém das expectativas, deverá investir mais para tentar recuperar os pontos perdidos para os seus adversários direitos, teoricamente investindo mais e aumentando o passivo de novo.
      Sendo assim esta diminuição do passivo poderá ter prós e contras,já que o Benfica deveria ter pensado em manter-se equilibrado tanto desportivamente como economicamente, coisa que não aconteceu nos últimos anos

      Eliminar
  35. Na Coreia do Norte, Venezuela, Myanmar ou Guiné Equatorial as coisas não se passam assim. Invejo a sorte (ou talvez não) de quem tem um "grande timoneiro", uma "nomenklatura" ou um "comité central" que nunca permite que o "zé povinho" se preocupe, muito menos sofra, com estes problemas de gerir a "domus comum". Ah como deve ser bom ter alguém messiánico e providencial e entregar-lhe a gestão, todo o poder e toda a disponibilidade para tratar dos "negócios" sem nos preocuparmos como se chega ao que interessa: ás vitórias, Se eu fosse norte coreano seria adepto do SLB de lá, por cá, mesmo com todos esses negócios esquisitos (chama-se gestão, e pode ser melhor ou pior), prefiro continuar no reino da democracia, da asneira ou até da má gestão do que me refugiar no conforto de qualquer ditadura.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá não quero ser insolente, mas que é que isso tem a ver com tema.
      E já agora "nomenklatura" significa burocracia e não é ligado de forma assim tão vincada aos países que referiste, e era principalmente ligada á antiga União Soviética, de onde até vem o termo que usaste apesar de derivar do latim nomenclatura

      Eliminar
  36. Esta conversa enoja-me. É esta gente que vai acabar com o futebol enquanto movimento associativo.

    ResponderEliminar
  37. Portanto deixa lá ver se percebi: O BES financiou o Porto o Benfica e o Sporting e agora o Porto o Benfica e o Sporting estão expostos ao BES, é isso ?! Pronto, está bem, foi para simplificar. O que se designa aqui por exposição quer, afinal, dizer "elevada probabilidade de não conseguir o rollover na maturidade, com a mesma instituição financeira, o BES". Isso é mau, mas está longe de ser o fim da festa. Não se faz o rollover no BES faz-se noutro lado qualquer. Ah e tal, mas só o BES é que empresta... Não. Só o BES é que empresta naquelas condições. Ah, mas então os outros emprestam mais caro. Pois, é isso. Acredito que no fim da história as SAD saiam com um menor financiamento externo e com menores custos de financiamento, mas menos que proporcionais. Por ex. na Benfica SAD, o financiamento externo baixará uns 50 M€ e os custos de financiamento baixam por aí uns 2 M€ (números só para ilustrar).

    ResponderEliminar
  38. E eu a pensar que mudara de nome para Besfica... Mas se a culpa não é do bes(ta) é do PdCosta, só pode...

    ResponderEliminar
  39. quanto à gestão dos 3 grandes é um chuta para a frente até que o adversário nos tire a bola, depois ou se recupera rápido ou sofremos golo

    um Benfiquista tripeiro

    ResponderEliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.