quarta-feira, 13 de agosto de 2014

A saída de Defour. E a transferência de Mangala foi (ainda!) melhor do que o esperado!

Defour não foi uma má contratação do FC Porto, foi uma contratação que não funcionou. 6 milhões de euros por um médio internacional belga, capitão do Standard, que era uma paixão antiga de Alex Ferguson e que já se perfilava como sucessor de Moutinho. Tinha tudo para dar certo. Na altura, não há-de ter havido muita gente insatisfeita com o negócio, uma vez que a transferência até saiu mais barata do que o expectável, fruto de ser negociada nos mesmos moldes e ao mesmo tempo que Mangala.

A melhor solução
Jogou a médio defensivo, a 8 e a extremo, mas sem nunca passar o campo da utilidade. Infelizmente, não era tão bom jogador como os adeptos esperavam. Nem é tão bom jogador como ele próprio pensa, motivo pelo qual sempre reagiu mal ao estatuto de suplente (na cabeça dele, uma coisa seria ser suplente de um dos melhores médios do mundo, Moutinho, outra seria ser suplente de um ex-Estoril ou ex-Paços de Ferreira). Esteve para sair em janeiro, mas ficou devido à saída de Lucho. Acaba por sair na altura necessária, no negócio possível.

Os 6 milhões de euros comunicados à CMVM dizem respeito à totalidade do negócio. A SAD só tinha 56,67% do passe, sendo que já tinha recebido 2,35 milhões por uma alienação de 33%. Há também 10% da receita líquida que tinham sido atribuídos à Robi Plus há 3 anos - situação ainda aplicável? Será que sim? Vamos aguardar.

Resta desejar boa sorte a Defour, cuja saída é também uma boa notícia para a folha salarial (pesava excessivamente na relação custo/rendimento) e para a harmonia num plantel onde vários internacionais vão ter que saber (também) conviver com o banco. Defour mostrou que, para ele, o «eu» é mais importante que o «nós». Jogadores assim dificilmente serão felizes no FC Porto e, sobretudo, recordados.

Jackson Martínez e a escolha de palavras

Luiz Henrique Pompeo vai receber «5% do valor líquido resultante da transferência a título definitivo dos direitos de inscrição desportiva» de Jackson Martínez. Foi este o comunicado do FC Porto à CMVM. Repare-se que não fala de «uma futura transferência», nem de «uma eventual transferência». Referem-se diretamente ao valor líquido «da transferência».

Jogador de cabeça
lavada. E o resto?
O empresário brasileiro apresentou-se no início do ano como representante de Jackson, substituindo Luís Manuel Manso. Não arranjou propostas para transferências (só Atlético e Valência se chegaram à frente e não foi através dele) e agora... lucra. Que mais jogadores agencia ele? 

Os 5% não advêm da renovação, mas sim da transferência. Se a parcela a receber de 5% fosse parte do acordo de renovação, teria certamente que ser anunciada assim que a renovação de Jackson tivesse sido comunicada à CMVM. Não é o caso, portanto é já a pensar «na» transferência, esperando-se apenas que este valor seja deduzido dos encargos quando o negócio se concretizar - outra coisa não seria aceitável por um jogador que tinha contrato.

Infelizmente, é uma péssima escolha de palavras (se é que foi apenas isso) da SAD, ao atribuir 5% «da transferência» de Jackson (novamente, não de uma possível, nem de uma eventual, mas sim «da transferência»), dar um negócio como certo numa altura em que o jogador renovou e está motivadíssimo para a nova época, com a braçadeira e no topo da folha salarial do clube. Para já, há uma época inteira para lutar por 5 objectivos colectivos, sendo Jackson parte essencial desse plano. Depois de tantos pedidos para que o jogador se focasse no que se passa dentro de campo e deixasse de pensar numa transferência, seria bom que quem rodeia Jackson também começasse a pensar mais no jogador e menos no activo.

Mangala, a maior notícia de todas

Subitamente, fez-se luz na imprensa desportiva, generalista e económica. Já é sabido há meses que o passe de Mangala era dado como garantia num empréstimo bancário do BES, tanto que abordámos esse tema há dois meses e também no mês passado. Nunca nenhum jornal se lembrou de pegar no tema, mas de repente publicações que nem sabem a diferença entre transferências e mais-valias falam fluentemente sobre o BES e o FC Porto.

Mangala, a cada dia
um negócio melhor
Porque o BES está na ordem do dia, talvez seja altura de trocar de protagonista, para variar. Dá um certo jeito, sobretudo quando a crise do BES vai ser novamente invocada para a saída de mais um para o Valência. Mesmo ignorando por completo a hipótese de renegociação. Mas então esperem lá: não é que o negócio do Mangala foi ainda melhor do que pensávamos!?

Quem diz que os 30 milhões de Mangala foram direitinhos para o BES consegue fazer do negócio ainda melhor do que já era: então o Manchester City pagou 30 milhões a pronto a um clube português??? É inédito em toda a história do futebol nacional. 30 milhões a entrarem de uma vez numa SAD de um clube português!? Oh amigos, a verdadeira notícia está aqui!

Afinal, o negócio ainda é melhor do que pensava: 30 milhões (ou 30,5, para ser mais claro) a bater de uma só vez na SAD. Uma vez mais, o FC Porto consolida o estatuto de clube que melhor vende em todo o mundo. E desta vez, não foi ninguém do FC Porto a dizê-lo, mas sim os inúmeros jornais e comentadores que «anunciaram» que o City pagou Mangala a pronto. Obrigado, porque desta não sabia!

PS1: Confirma-se que David Bruno foi inscrito na Liga dos Campeões, conforme tinha sido especulado aqui. Está no FC Porto desde os 9 anos e só esteve uma época emprestado ao Trofense. Tendo em conta que Victor Garcia não pertence ao FC Porto, pode vir a ser um lateral-revelação ou servirá apenas para fazer número?

PS2: «Casemiro é bom, mas não é 6». «Clasie é bom, mas não é 6». «[Inserir nome de jogador apontado ao FC Porto] é bom, mas não é um 6». Uma ideia: quando chegam à conclusão que se não é 6, é porque Lopetegui não quer um 6?

28 comentários:

  1. Jack of all trades, master of none.

    A descrição perfeita para o Defour, sempre gostei dele por ser um jogador muuuito bom de se ter no banco, mas aspirava a mais, podia vir a ser dos jogadores mais velhos do plantel com experiência enfim, daqueles jogadores muitíssimo úteis mas que não dão para sozinhos resolverem um jogo, na última época até parece que melhorou o passe.

    Muita sorte para ele.

    Quanto ao David Bruno... eh... nunca vi nada de mais nele...

    ResponderEliminar
  2. Duas pequenas notas:

    - O nosso Grande Comandante saiu porque se falava por paineleiros e quejandos que Defour o poderia substituir. Uma pena que só tarde se tenha percebido que se tinha muita parra e pouca uva... enfim.

    - com a inscrição de David Bruno será que se pára definitivamente de dizer que Lopetegui não aposta na formação? Ou esta conversa é só xenofobia ridícula?

    Parabéns por um excelente blog.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O David Bruno é o único jogador formado no clube que temos. É o único nascido antes de 1993 e que fez pelo menos 3 épocas no clube entre os 15 e os 21 anos.

      Logo, ou inscrevíamos o David Bruno, ou não inscrevíamos ninguém. Tendo em conta que na lista A vamos provavelmente ter que prescindir de um lateral, quiçá possa ser útil.

      Se Lopetegui aposta ou não na formação, que tal avaliar isso depois de, sei lá, o homem fazer pelo menos meia dúzia de joguinhos pelo FC Porto? É que ainda não fez nenhum.

      Quero é que ver quantos treinadores teriam cojones de lançar um miúdo de 17 anos na equipa A como ele está a fazer.

      Eliminar
    2. Por favor... David Bruno não... aquilo é pior que o Luis Filipe que os vermelhos devolveram ao Brasil... jeez...

      O David Bruno já deveria ter sido despachado à muito por falta de qualidade

      Eliminar
  3. Se não for muito incomodo poderia explicar a situação do Victor Garcia. Accionamos a cláusula de compra? Continua emprestado? Pelo que me lembro foi apresentado junto com o plantel principal, tal como o Graça, Gonçalo, Igor e Kayembe mas não jogou contra a Oliveirense. Obrigado

    ResponderEliminar
  4. Concordo com tudo...Quanto ao Jackson, sou de opinião contraria e acho que está bem feito. É do modo que o jogador saberá que é o unico ano que joga como dragão e terá a possibilidade de fazer um negocio excelente e para isso terá de se concentrar ao máximo este ano e fazer a sua melhor epoca para ser visto com bons olhos pelos grande europeus, pelo menos. E para ajudar terá o empresário que terá mais um motivo para que Jackson brilhe este ano no FCP e que fará um esforço para que se concentre e faça uma época ao nivel do melhor Jackson. Para já esta a demostrar, contrariamente no inicio do época passada, que está 100% concentrado na equipa, o que já é bom pressagio.

    ResponderEliminar
  5. Tribunal do dragão corre o rumor que o Alan Pulido se encontra na cidade do Porto para assinar com nós até vai assistir ao jogo de sexta feira e verdade?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pergunte a quem criou (neste caso, inventou) o rumor. Isto não é uma página de desmentidos para o que os outros inventam.

      Eliminar
  6. Caro Tribunal quem vai para o Valencia?
    O motor de Carnide?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado! Acha que o Benfica vai ter o mesmo perdão do Scp, agora que veio chorar?
      O Fcp está atento? Não pode acontecer outra Ferreira Leite

      Eliminar
    2. O FC Porto não tem que se preocupar com o problema dos outros, sobretudo quando os nossos compromissos bancários estão mais do que assegurados.

      E por o Benfica não ter perdão (há quem use a palavra «reajustamento», é mais refinada) como teve o Sporting é que tem que encontrar alternativas à renovação das linhas de crédito, que passam por vender quase toda a equipa titular.

      A torneia neste momento está fechada, mas isto não implica que a nova administração do BES não forme, daqui a uns tempos, relações com os 3 grandes. Os clubes de futebol sofrem exactamente o mesmo processo que outras empresas: neste momento procurar alternativas ao BES, depois (re)construir as relações com a administração do Novo Banco.

      Eliminar
  7. TdD excelente post novamente.
    Quanto a Clasie para Mim é um 6 puro.
    Se vem ou não para Nós essa é a grande dúvida,mas seria excelente se viesse.
    Também precisamos de uma alternativa a Jackson Martinez.
    TdD o que pensa de Pulido ??? Encaixaria bem no nosso esquema de jogo ??

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Clasie é um jogador semelhante ao Casemiro, com perfil de box-to-box e primeiro construtor, com o pormenor de ser mais agressivo. Um 6 puro é um destruidor de jogo, o Clasie não é de todo um destruidor. Lopetegui não quer um trinco, quer um 6 para a saída de bola, até porque os nossos centrais não são fortes nesse aspecto.

      Pulido neste momento não encaixa, tendo em conta que é um avançado de perfil totalmente distinto do Jackson. Neste momento aproxima-se do Adrián, mas tem características que poderiam - poderiam - vir a ser bem moldadas e interessantes.

      Já o disse que considerando todos os aspectos, desde o papel a desempenhar ao custo, tê-lo-ia preferido ao Raúl Jiménez.

      Eliminar
    2. Obrigado pela sua resposta.
      Eu sei que Clasie e um Mitrovic por exemplo para reforçar o nosso plantel era estrondoso,mas não se pode ter tudo. E também o dinheiro não abunda.
      Mas na sua opinião TdD acha que vamos reforçar nesses dois sectores até final do mercado?? 06 e PL ???

      Eliminar
    3. Se Lopetegui não disse hoje que o plantel está fechado, é por algum motivo.

      Eliminar
    4. Peço desculpas TdD mas não ouvi a conferência de imprensa do Lopetegui.
      Vamos esperar para ver se chega mais alguém para acrescentar valor ao plantel.
      Amanhã já é a doer e o importante é entrar a ganhar.
      Vamos PORTO.

      Eliminar
    5. TdD, Niguez não é possível?

      Eliminar
  8. Cedência de 5% "como contrapartida dos serviços prestados nas negociações com o jogador". Mas nunca mais conseguem acabar com esta promiscuidade e conflito de interesses? Afinal o tal senhor é representante do jogador ou do clube? Recebe do jogador por representá-lo influenciando o clube a pagar mais e recebe do clube para "influenciar" o jogador a assinar por menos? Esta matéria deveria ser devidamente regulamentada para acabar com essa história de receber das duas partes, uma vergonha.

    ResponderEliminar
  9. Para mim vergonha era não ter feito tudo para ficar com JACKSON, como foi feito, vamos ter um avançado TOP de nível mundial.

    VIVA O FUTEBOL CLUBE DO PORTO

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Refiro-me à "vergonha" de haver pessoas (empresários) a receber dos dois lados.

      Eliminar
  10. Se o Lopetegui quer o 6 construtor...entao o que sera do Mikel no futuro?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os dois maiores problemas do Mikel chamam-se Tomás e Rúben. Neste momento que se concentre em recuperar bem da lesão, que é o mais importante.

      Eliminar
  11. Sou um leitor diário deste blog e o meu comentário é só para felicitar o Tribunal do Dragão pelo excelente trabalho que tem desenvolvido em prol da nação Portista. Muito obrigado! Saudações Dragonianas.

    ResponderEliminar
  12. Não percebi bem a parte do Jackson, pode existir uma transferência acordada para este Verão? Ou para o ano que vem?

    ResponderEliminar
  13. David Bruno revelação?

    Podem esperar sentados. É dos jogadores mais banais que o clube tem nos seus quadros. Péssimo a defender, e banal a atacar.

    A sua permanência no clube época após época é um mistério para mim.

    Victor Garcia é um jogador que está anos luz à frente do David Bruno. Mais raça, mais velocidade, mais agressividade, mais rotação, mais físico, mais tudo.

    ResponderEliminar
  14. Os 5% são:
    1. Prémio de assinatura pela renovação;
    2. Prémio pela venda futura (caso ela exista)
    Parece-me uma medida correcta, os interesses do jogador e do clube ficam alinhados.
    Penso que já foi feito antes com o Hulk.

    ResponderEliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.