quinta-feira, 11 de junho de 2015

Análise 2014-15: os extremos

Não há comparação possível entre os extremos que o FC Porto teve para iniciar 2013-14 e os que conseguiu para a última época. Paulo Fonseca basicamente só tinha Varela como jogador «feito», e tinha-o contrariado. Lopetegui teve qualidade de sobra, pois a época foi mais bem preparada, o treinador foi ouvido e o ataque ao mercado foi forte e bem conseguido. O resultado? Quaresma: 10 golos e 7 assistências. Tello: 8 golos e 11 assistências. Brahimi: 13 golos e 10 assistências. Contamos apenas este top 3, o mais produtivo que tivemos em muitos anos, sem contar com as passagens episódicas de Ádrian, Quintero, Óliver e até Hernâni pelas alas.

Todos os atuais extremos têm condições para serem mantidos no plantel. Temos experiência (Quaresma), explosão (Tello), criatividade (Brahimi) e projetos de jogador, que vão de Ivo a Hernâni, de Frédéric a Rúben Macedo. Cabe a Lopetegui escolher. Se alguém sair, que seja substituído por alguém do mesmo perfil, embora nada esteja previsto nesse sentido. Em relação a extremos, é um setor para o qual não precisamos de contratações para o 11, mas sim de continuar a aproveitar as soluções que já temos e os talentos que estão na forja. Não esquecer que só em Kelvin (continua no Brasil) e Hernâni foram investidos 6M€, dinheiro ainda por rentabilizar. Não estamos na melhor altura para apostar em «planos C» quando os «B» ainda estão na forja. Mas como sempre, há quem não seja da mesma opinião.

Quaresma - Esteve por um fio no início da época, fruto do feitio que fez com que fosse considerado um flop no Barcelona, no Chelsea ou no Inter. Mas amadureceu como poucos esperariam - talvez nem ele próprio. Tornou-se um extremo mais equilibrado e mais completo, mesmo perdendo velocidade (como é normal na sua idade). É muito raro um extremo de 31 anos ser titular numa grande equipa. Quaresma sabe - se não sabe ficará a saber - que será difícil ser titular absoluto em 2015-16, mas ficando no plantel será um elemento de grande valia. Isto se souber que quer no banco, quer dentro de campo, o símbolo que representa é sempre o mesmo. Não estava na morgue, mas o FC Porto reabriu-lhe todas as portas.

Tello - Uma, duas, três lesões, as duas últimas já quando estava na sua melhor forma ao serviço do FC Porto. Aprendeu a definir melhor, a usar o que de melhor tem, tornou-se decisivo numa sequência de jogos importantes, ora com golos ora com assistências. 2015-16 tem tudo para ser a sua grande época. Postura irrepreensível ao serviço do clube, em todos os momentos, e a não ser que o Barcelona decida estragar a festa entrará em 2015-16 como uma das grandes armas do FC Porto para resgatar o título e voltar a brilhar na Champions (onde Tello acabou por não conseguir ser influente como poderia ser).

Brahimi - Partiu tudo nos primeiros meses, a ponto de fazer uma cláusula de 50M€ parecer pouco. A partir de Novembro (ainda antes da CAN), caiu numa espiral de exibições apagadas e moleza, mesmo intercalada com alguns momentos/jogos do brilhantismo a que nos habituou. Era a primeira época de Brahimi num clube que joga na UEFA, que luta para ser campeão, que em todos os jogos a nível nacional joga contra equipas com linhas defensivas recuadas. Realidades novas para Brahimi, que também teve/tem que aprender a fazer de um passe a melhor finta, a enquadrar-se taticamente num coletivo e a perceber que é impossível ele partir todos os defesas em todos os jogos. Vai ficar e na próxima época estará bem mais preparado para a regularidade que lhe faltou. Sem Danilo e Jackson, deve emergir como a grande figura do FC Porto para 2015-16.

Hernâni - O TD não concordou com a sua contratação, como foi opinado no fecho do mercado. A não concordar com algo, que seja dito atempadamente, porque em prognósticos no final do jogo todos somos 100% certeiros. Mas a partir do momento em que Hernâni chega ao FC Porto, é de esperar que o elevado investimento seja rentabilizado e que as suas características sejam tão aproveitadas quanto possível. Ao fim de meia época, Hernâni é ainda o mesmo jogador que fomos buscar ao Guimarães: com bola no espaço pode fazer a diferença, mas em tudo o resto apresenta limitações. Fez 2 golos no campeonato, esforçou-se, mas em termos evolutivos ainda não deu para ver muito. Parte como última opção para as alas, se ficar no plantel, e precisa de muito mais para singrar no FC Porto.

Kelvin e Ivo Rodrigues serão analisados no setor de jogadores emprestados, enquanto Ádrian López entra nos avançados.

Pergunta(s): Há necessidade de ir ao mercado buscar um extremo? Que papel para Hernâni no FC Porto 2015-16?

PS: A efeméride passou ao lado. O Tribunal do Dragão celebrou um ano de existência. 245 posts, 5.000 comentários, 1,8 milhões de visitas. A frequência de posts não tem sido a maior nas últimas semanas, por motivos de força maior (daí o menor número de posts e a ausência de respostas a comentários), mas tentaremos repetir os números no segundo ano, sempre com o mesmo propósito: um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto. Um obrigado a todos os portistas que visitam e comentam regularmente este espaço.

28 comentários:

  1. Parece-me que de extremos estamos bem servidos mas também acho q entrará mais um!

    ResponderEliminar
  2. Parabéns pelo aniversário, é um espaço com uma lucidez rara quando se trata de comentário futebolistico. Felizmente, escreve de azul e branco.

    ResponderEliminar
  3. Para a nova época se entrarmos com Brahimi, Quaresma, Tello e Hernani estamos muito bem servidos. Para quinto elemento, mais rotativo, apostaria no Ivo ou no Frederic, que iriam variando com a equipa B. Se acharem que estão já a um nivel superior da 2a liga, então que se empreste a um clube de 1º liga, nacional ou não, que jogue um futebol mais ofensivo e em que os jogadores tenham possibilidades de jogar com regularidade.

    Não gostei do fim de época do Brahimi, não gostei das suas declarações. É um portento tecnico, que também dá a ideia que está cá com a cabeça noutros sitios. Mal se falou em Bayerns e ele perdeu-se. Coicidencia? Talvez. Realidade é que é um jogador por vezes preguiçoso e sonolento em campo. A par de alguns jogadores que temos, tem tendencia a jogar bastante melhor nos jogos com maior visibilidade, Champions, do que nos outros. Se surgisse uma boa proposta, uma boa oportunidade de BOM LUCRO pensaria em vender. Não gostei de certas coisas nele, é meu direito.
    A meu ver, esta é a posição em que somos mais fortes. Como o TdD diz, jogadores feitos, jogadores jovens, jogadores projeto. Grande qualidade.

    Joel

    ResponderEliminar
  4. O agradecimento é todo nosso. Tribunal do Dragão a abrir olhos aos cegos desde 2014 :)

    ResponderEliminar
  5. Mais um excelente análise.
    O FC Porto parte para a época 2015/16 com 3 extremos (Quaresma, Brahimi e Tello) com estatuto de titulares para 2 posições. Deverá Lopetegui decidir dependendo do jogo e do momento de forma dos jogadores quem será jogará de início. Ficando com um excelente trunfo no banco. Isto é uma mais valia para a próxima época.
    Quaresma: apesar de ter feito uma boa época, esperava bem mais dele. Na altura de rematar está a definir mal, ou sai com pouca força, ou mal colocado, ou remata na pior altura. A cruzar está excelente (característica aprimorada ainda co CoAdriance)
    Tello: para mim uma autêntica desilusão no início da época. A definir sempre mal. No entanto quando saía do banco ou fazia uma assistência ou marcava um golo. A titular não fazia nada. Melhorou muito no final da época. Espero muito melhor na próxima, porque potencial vê-se que tem.
    Brahimi: um excelente surpresa. O TdD definiu-o muito bem, a cláusula de 50 milhões parecia pouco no início da época. Mas as infelizmente as pessoas (neste caso portistas) esquecem-se rapidamente, e agora além de falarem mal dele, ainda o querem ver fora do Porto. Como é óbvio ele não é portista desde pequenino, e a diferença de rendimento na liga dos campeões e no campeonato é perfeitamente normal. No campeonato os jogos são muito mais fechados e aí ele teve dificuldades. Depois dos 1os jogos era sempre 2 ou mais defesas em cima dele.
    Hernani: em concordei com a sua contratação, acho que tem potencial. Acho que pode vir a dar muito ao FCP mas não é certo claro.. Também não concordo com o TdD em relação ao Ivo. Acho que nunca jogará no Porto. Acredito mesmo que não fará melhores carreiras que Ukra, muito menos Vieirinha. Talvez se jogar a ponta de lança ou como segundo avançado talvez tenha lugar na 1ª liga. A passagem por Guimarães veio confirmar o que eu já esperava.

    ResponderEliminar
  6. Obrigado pelo magnífico blog. As análises são sempre interessantíssimas, sempre na mouche. O único ponto em que discordo é o peso dado aos recantos sujos do futebol português, posts esses que leio na mesma, porque a bitola de qualidade e razão se mantem.
    Manuel

    ResponderEliminar
  7. É a primeira vez que escrevo e apenas para dar os parabéns pelo marco atingido e dar votos para que continuem (de preferência, e se possível claro, com a regularidade de outros tempos).

    Acho que não deixei de ler nenhum dos 245 posts e certamente vou continuar a seguir o blog pois, no que toca à realidade portista, é o espaço onde encontro a opinião mais interessante e imparcial.

    Manuel

    ResponderEliminar
  8. Comecei a seguir este blog desde o primeiro post e desde então que concluí que não existe espaço melhor para estar a par e para poder seguir com opiniões claras e concisas sobre o NGC. Um bem haja a todos vós por este primeiro ano! Cumpts!

    ResponderEliminar
  9. Antes de mais endereçar-te os parabéns por um ano de existência e de grande relevância na bluegosfera, chegando a ponto de te tormares num dos meus blogs obrigatórios de consulta e num dos unicos 3 que coloco comentários.

    Em relação ao pos em si e como já é norma, respondo diretamente, pela minha perpectiva, às perguntas por ti formuladas.

    Há necessidade de ir ao mercado buscar um extremo?
    - Não. Contudo e tirando os 4 acima citados, não temos mais ninguém. Frederic não me parece jogador para um Porto e nem sei se para uma 1ª liga quanto mais; Ivo tem de ser novamante emprestado pois no Guimarães mostrou muito pouco e tem de ter mais experiência de 1ª Liga para ver se realmente serve ou não; o Rúben ainda não é para ser considerado aqui, mas parece-me ter bem mais futuro que o Fred mas vamos deixar n B a ver o que ele pode dar neste 1º ano de Senior.

    Que papel para Hernâni no FC Porto 2015-16?
    - Hernâni tem de aprender com Tello pois sofre exactamente do mesmo mal do espanhol quando cá chegou... a terrivel definição das jogadas. E tem de parar de se encostar tanto à linha e aprender a jogar no risco de fora de jogo com diagonais mortiferas, que é como num grande, pode ser muito util. Portanto Tello e Hernâni podem muito bem re revesar o tempo de jogo e mantermos uma ala sempre de velocidade a esticar o jogo e outra de ataque mais planeado com Quaresma e Brahimi.

    Para mim seria a solucção ideal e não deve andar muito longe da razão que Lopetegui quis Hernâni no plantel.

    ResponderEliminar

  10. Muitos Parabéns! :)

    sem dúvida alguma, um ano em cheio, com marcas invejáveis e mesmo sem títulos no futebol sénior.

    e, sem dúvida alguma, um espaço de referência na bluegosfera, que, num ano, conquistou o seu espaço

    abr@ço forte
    Miguel Lima | Tomo III

    ResponderEliminar
  11. Antes de mais, os meus parabéns pelo grande projecto que tens. Fazem falta mais projectos assim na defesa do nosso Porto. Que seja para continuar.

    Quanto aos extremos, a não ser que saia alguém, eu por mim não mexia em nada. O problema é Ivo, que em Guimarães não joga e voltar à B é desmotivante. Temos que lhe arranjar colocação num sítio onde jogue com regularidade. Não concordo quando dizes que a maior figura do próximo ano vai ser Brahimi. A maior figura chama-se Tello, se não houverem lesões, escrevam o que eu digo.

    ResponderEliminar
  12. Parabéns pelo ano de existência. É bom poder ler um blog onde não só encontramos novidades, mas também análises lúcidas ao nosso clube.

    Tello, Brahimi e Quaresma são para ficar. Têm provas dadas e são jogadores com muita qualidade.

    Em relação ao Hernani já não sei bem o que dizer. Por um lado é bom jogador, por outro acho-o demasiado paracido com o Tello, pelo que não sei se compensa termos dois jogadores muito semelhantes. Penso que um jogador estilo Adrian (talvez seja por isso que veio o Bueno), que tanto joga a extremo, como passa rapidamente para 2º avançado, seja mais importante. Também gostava de ter alguém estilo Quintero, mas estivesse com os pés assentes na terra (que falta faz James).

    Depois de ter visto os jogos do mundial sub 20, é imperial que mal haja uma vaga o Ivo Rodrigues entre para a equipa principal, basta ver hoje como jogou Portugal a partir do momento em que ele entrou.

    ResponderEliminar
  13. parabéns pelo aniversário e pelo excelente trabalho que tem (têm?) vindo a desenvolver. acompanho apenas três blogues do nosso clube (via facebook) e este é também para mim de consulta obrigatória (os outros dois blogues, se me permite a referência, são o Reflexão Portista e o Dragão até à Morte).
    Continuação do bom trabalho, desejando que possa haver uma maior disponibilidade de tempo para actualizações e novidades.
    cumprimentos

    ResponderEliminar
  14. Parabéns pela efeméride! Partilho das palavras já aqui deixadas por anteriores comentários, no sentido de felicitar a existência deste espaço de análise lúcida e incisiva dos assuntos do nosso Porto.

    Relativamente ao post. Partilho também da preocupação do Joel com o rendimento do Brahimi. É sem dúvida um jogador talentoso, mas com índices de rendimento muito voláteis, dos quais é possível extrair um padrão que relaciona esse rendimento com a visibilidade-importância dos jogos em questão: início da época (em que precisava de se afirmar) e jogos europeus - empenho e boas exibições, jogos "avulsos" - moleza.
    Concedo que poderá ser uma apreciação injusta, afinal foi só a sua primeira época, ainda por cima quebrada a meio pelo serviço na seleção, mas acrescentando a isso as declarações a propósito da sua vontade em "ir para um clube maior"...

    Parto deste caso particular do Brahimi para o tomar como "parábola", porque julgo ser de dar atenção às várias vozes da nação portista que vêm alertando para a importância da "mística", que não tem nada de "místico" na verdade. Trata-se apenas de ter presente, como critério relevante na escolha dos profissionais que representam o clube, não só a sua qualidade desportiva, mas também a capacidade de se integrarem num ideal coletivo maior que eles próprios. Nem todos terão de ser "do Porto desde pequeninos", mas todos têm de ser inequivocamente e sem reservas "do Porto!", enquanto tiverem o privilégio (é assim que o devem sentir, porque é disso que de facto se trata, um privilégio) de trazer o Dragão ao peito.

    ResponderEliminar
  15. Primeiro que tudo, parabéns.


    Contratar mais extremos parece-me desnecessário. Os mencionados são suficientes para o Porto, Hernâni serve perfeitamente para 4a opção.

    Depois é preciso ter em conta o que esperam de Bueno. O meio campo já está muito povoado e ainda deve faltar entrar alguém, o ataque terá Aboubakar, Gonçalo (?) e ainda se fala de mais uma contratação para substituir Jackson portanto ou mudamos de sistema ou Bueno veio para as alas.


    AA

    ResponderEliminar
  16. TdD, obrigado pela lucidez, inteligência, pertinência, e assinalável quantidade e qualidade da informação que neste espaço transmite à nação portista! Espaço raro um que se foque no futebol da forma que se faz por aqui.

    É a primeira vez que comento, mas só tenho a dizer que este é O ESPAÇO para vir consultar que nem acto reflexo logo a seguir a um jogo do nosso FC Porto mas também diariamente na ânsia de nova crónica. Os meus parabéns pelo melhor blog na bluegosfera e sobre futebol no geral.

    Relativamente ao post:

    Estamos bem servidos de extremos. Nada a apontar. Apenas o desejo que apostem num Ivo Rodrigues a médio prazo. Muito talento.

    Antecipando o post sobre avançados:

    Arek Milik (Ajax) para o lugar do Super-Jackson é o meu desejo (bem sei que não se vai concretizar - espero pelo menos que já tenha sido apanhado na "rede" de olheiros do FCP). Seria agora ou nunca. O homem, com características parecidas às de Jackson, vai explodir na próxima época certamente.

    André Silva - este craque não engana! Apostar nele assim que possível!

    ResponderEliminar
  17. Parabens TdD, e um muito Obrigado a ti.

    Um abraço.

    FCP777

    ResponderEliminar
  18. Caro TdD,

    Parabéns por este primeiro ano de excelência.
    Óptimas análises, comentários equilibrados, observações pertinentes.
    Espero que tenhas a possibilidade de dar continuidade a este grande projecto.

    Grande abraço para ti e para todos os leitores.

    Ralph

    ResponderEliminar
  19. Olá e....
    ...obrigado por existir O tribunal do Dragão!

    Cumprs
    Augusto

    ResponderEliminar
  20. Parabéns! É o blogue mais interessante, bem escrito, fundamentado e conhecedor da realidade do nosso Clube.
    Quanto ao Hernâni devo dizer que é um jogador que aprecio e penso que nos irá dar algumas alegrias, principalmente em jogos da Champions, onde os adversários dão mais espaço nas costas dos defesas. Para o nosso campeonato, é mais difícil ele ter sucesso porque as equipas contra nós jogam muito recuadas e ele precisa de espaço. No entanto, aposto as minhas fichas neles!
    Quanto ao Quaresma, tenho que dizer que não consigo confiar nele. É muito instável emocionalmente (ao contrario do que ele apregoa constantemente) e continua a não me agradar vê-lo no Porto.

    ResponderEliminar
  21. Parabens pelo espaço, é um dos principais blogs que visito regularmente e que espero que fique connosco durante muito tempo. Qualidade na exposição da opinião e dos factos, rigor e ausênsia de fanatismos exacerbados faz com que seja um prazer seguir este blog. Acredito que apesar de ser de um portista para os portistas, também aqui frequentam adeptos de outros clubes ;).

    Relativamente ao texto e à pergunta, acredito que não seja preciso contratar outro extremo, isto se os que referiu no artigo se mantiverem.para a próxima época. Dentro do lote entraria o Quintero que poderia fazer uma perninha na linha, estilo James mas a verdade é que o colombiano é para mim uma desilusão. Claramente para emprestar.

    De resto, Tello, Brahimi, Quaresma e Hernani mais um ou outro da B para rodar nas taças, poderão ser suficientes. Acredito que Tello vá ser a figura (para mim era contrata-lo ainda antes do término do empréstimo) com Brahimi a a amadurecer num ano sem Can. Hernani tem limitações mas mostrou-se eficaz e oportunista nas oportunidades que teve. Bueno poderá igualmente jogar vagabundo na frente, estilo Lisandro Lopez, entre a linnha e o PL, pelo que também poderá entrar nestas contas.

    Mais uma vez, os meus parabens ao Tribunal do Dragão pela qualidade que nos proporciona!

    ResponderEliminar
  22. De extremos estamos bem servidos com estes, o problema é que há alguma incerteza: Quaresma com o seu feito (e já agora a idade, apesar de ter do mais uns meses do que CR7,salvo erro) , Tello cujo histórico de lesões não ajuda, ou Brahimi que pode já estar a pensar no cheque mais chorudo quando for para um tubarão europeu - sendo assim seria arriscado não ter um extremo para ser titular, mas o treinador lá saberá o que faz. Aproveito esta secção para dizer umas palavras ao Brahimi: ó miúdo tem muito cuidado com o que dizes, já te deves ter apercebido que até podes estar na conchichina que os "pasquins da TraBessa da queimada", como diz o novo tomo, vão usar logo as tuas palavras para tentar gerar confusão no clube - principalmente depois do ano da liga do colinho, temos aí um ano que já estão com tudo apontado para dar o título aos de Alvalade. Olha outra coisa que não percebi, quando te perguntaram porque te agarras muito à bola e não a passas mais vezes, disseste que mais estas habituado a jogar a externo, estas mais habituado a jogar no centro do terreno, mas olha se jogares aí tinhas de passar a bola na mesma - deixaste mas é de desculpas e vê lá se no final deste ano nos deixas todos com uma boa opinião sobre ti e como o normal no FCP, saíres pela porta grande. Com pelo menos o título de campeão nacional 2015/16.

    ResponderEliminar
  23. Antes de mais, parabéns pelo 1º aniversário do blog, espero que continue durante muito tempo. Sem dúvida o melhor blog da bluegosfera e atenção que outros há que também são muito bons, portanto é mesmo um valente elogio:) Li todos os posts aqui colocados e o que me prendeu aos seus textos foram a clareza com que se exprime, bem como a maneira inteligente como interpreta muitas situações. Agradeço principalmente as suas preciosas explicações em matérias de ordem económica, que estão cada vez mais em voga e que importa conhecer cada vez melhor para saber o que se passa no clube e no futebol em geral.

    Em relação aos extremos, penso ser o sector que não vai sobrar nenhuma alteração, pelo menos assim o espero. Por mim Quaresma nunca tinha vindo, mas agora que cá está também não creio que sairá. Portanto esses 4 extremos são suficientes, apesar de todos eles precisarem melhorar alguma coisa. Não vejo necessidade de ir ao mercado.

    Em relação ao Hernani, penso que a sua contratação poderia ter sido evitada, não lhe via assim tanto potencial. E até agora vi as mesmas qualidades e erros que tinha em Guimarães. No entanto reconheço que se evoluir tecnicamente e na interpretação do jogo. pode ser um jogador valioso. Mas sem jogar será difícil e um 4 extremo a precisar de evoluir e jogar...

    Gostava apenas de discorrer um pouco sobre quaresma, que pela enésima vez na sua carreira ligada ao nosso clube tem declarações que não me caem bem. Então foi a selecção que abriu as portas do clube? Ou foi o clube que pegou num ex-jogador o devolveu ao estrelato que na minha opinião ele não merece? Acabe-se de uma vez por todas com o mito do quaresma se rum jogador àPorto. Não é, nunca foi e nunca devia ter voltado. Ele não consegue nunca por o colectivo primeiro. O quaresma é assim.Ponto. E no nosso clube o que contou sempre mais foi o colectivo. Portanto que alminha se lembrou de fazer passar a ideia do quaresma como um símbolo do nosso clube? Um jogador importante na nossa história? sim, claramente, mas um símbolo? Nunca na vida... Mas é um sinal da evolução e da diferença de opinião entra a massa adepta...

    Mais uma vez obrigado TdD.

    João Reis

    ResponderEliminar
  24. Um ano de vida e muitos pela frente para crescer ainda mais. Quanto a extremos o nosso Porto está bem servido não necessitando com isso de ir ao mercado para comprar mas sim aproveitar o mercado para rentabilizar e com isso fazer um grande negócio na venda dos seus activos. Como é habitual não concordo com a opinião do tdd que tem sobre o Hernâni. Para mim considero o como um dos melhores jogadores que se passeiam pelos relvados. Rápido e com uma técnica acima da média. Basta ver os resultados do Guimarães num antes e durante Hernâni e num após Hernâni. Precisa é de mais jogos e minutos para um verdadeiro entrosamento na equipa.

    ResponderEliminar
  25. Antes de tudo, parabéns...
    Depois de tudo... parabéns!
    Fazem falta bolgs assim, em especila da nossa cor. Sem fanatismos bacocos nem criticas odiosas.

    ResponderEliminar
  26. Parabéns pelo aniversário!

    A minha visão sobre o plantel da época passada em
    http://doportocomamor.blogspot.pt/2015/06/plantel-para-201516-quem-transita-desta.html

    Saudações portistas

    ResponderEliminar
  27. Parabéns pelo excelente blog.

    Sobre os extremos considero que estamos bem servidos. Temos jogadores rápidos, Tello e Hernâni e temos jogadores complicados, Quaresma e Brahimi. Considero - os complicados pois são o tipo de jogadores que conseguem o melhor hoje e o pior amanhã. O Brahimi não está habituado a fazer 95% dos jogos contra equipas ultrafechadas, não tendo percebido o que deveria fazer para resolver essa questão e penso que terá sido por aí a maior razão do fraco rendimento após Novembro. Se calhar tb não percebeu porque andava demasiado entretido com o PSG.

    Neste sector estamos bem. Vamos ver como corre o defeso e se teremos de contratar alguém ou chamar da B em caso de venda de Brahimi.

    Abraços

    ResponderEliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.