sexta-feira, 5 de junho de 2015

Análise 2014-15: os médios

(Em)préstimos de grande valia
Em relação à última época, Herrera e Quintero foram os únicos médios que se mantiveram no plantel. Para uma equipa que sofre tão profundas alterações no coração da equipa, é necessário tempo. Tempo para os novos jogadores se adaptarem, para conhecerem mutuamente as respetivas caraterísticas, para assimilarem o modelo de jogo. Manteve-se o que vem sendo tradicional: o FC Porto tem sempre a equipa com maior percentagem de posse de bola e maior acerto no passe (média de top5 na Liga dos Campeões), mas todos repararam que, a nível interno, faltou alguma verticalidade. Por outras palavras, fazer em 12 passes ou 15 segundos o que muitas vezes fazemos em 25 passes ou 40 segundos. 

Somos uma equipa de ataque planeado, de posse, há vários anos. Vamos continuar a ser. Mas há que ter a capacidade e compreensão de que muitas vezes, no campeonato português, será necessário um pouco mais de pulmão e velocidade e um pouco menos de cabeça e calma. Lopetegui, ao ficar no FC Porto, tem que ter aprendido isto. Destacar o 3º médio para um papel mais criativo e desequilibrador e evitar que o 2º médio tenha que baixar para a primeira linha de construção são alguns dos pontos a rever. Mas como este setor ainda vai sofrer várias alterações, para já avaliemos o que foi 2014-15.

Rúben Neves - A grande vitória de Lopetegui. Fazer de um juvenil titular na equipa A do FC Porto mostra que em termos de aproveitamento de talentos nos sub-19 e na equipa B há muita gente a dormir (até Paulo Fonseca já tinha chamado Rúben Neves a treinar com a equipa A - coisa que ninguém nos juniores ou na B foi capaz de fazer). É presente e futuro para o FC Porto. Deverá renovar em breve, pois até completar os 18 anos não podia assinar um contrato de longa duração. Temos em mãos um dos jogadores mais promissores à escala mundial. E portista dos pés à cabeça. Pés com muito talento, cabeça com muito juízo, e coração com grande dedicação. Um digno Dragão de Ouro para esta época.

Casemiro - Foi do 8 ao 80. Começou a época com exibições penosas, mas continuou a merecer a confiança de Lopetegui e sempre teve boa imprensa, não só por cá como em Espanha. Chegava a ser desesperante vê-lo a falhar o mais simples dos passes. Na segunda metade da época, tornou-se simplesmente imprescindível. Qualidade, profissionalismo e dedicação em doses certas. Ajudou a fazer uma boa campanha na Champions, valorizou-se e ainda permitiu ao FC Porto fazer um grande encaixe financeiro, num negócio que motiva todos os elogios à SAD. Afinal, também é possível tirar proveitos financeiros, e não apenas desportivos, com jogadores emprestados. Não deve haver muitos exemplos de um clube que lucrou mais de 6M€ com um jogador que esteve emprestado. 

Evandro - Chega com um ano de atraso, pois Paulo Fonseca já o tinha pedido (e que jeito teria dado enquanto ninguém se entendia entre Defour, Herrera e Carlos Eduardo há um ano). Investimento significativo para a idade (afinal vai fazer já 29 anos), mas que valeu a pena. Comparação claramente ousada, mas a fazer lembrar o papel de Alenichev, o de um 12º jogador de luxo. É preciso velocidade? Mete o Evandro. É preciso manter a bola? Mete o Evandro. É preciso reorganizar a equipa? Mete o Evandro. Médio completo e apto para todas as funções. Justifica a continuidade no plantel. 

Campaña - Não era primeira, nem segunda, nem terceira escolhas. Lopetegui quis Clasie, quis Ñíguez, quis Darder, e não foi possível chegar a nenhum. Em cima do gongo apareceu Campaña, por empréstimo. Quando o vimos em campo, raramente desgostámos. Aquele olhar de serial killer mete qualquer adversário em sentido. Tem escola, sabe tratar a bola, é agressivo, mas não conseguiu ter grande relevância e espaço no plantel. Resta saber se por culpa da concorrência, se por insatisfação de Lopetegui ou também por culpa do jogador. Negociar a compra só faz sentido se for para ter um papel mais ativo na próxima época. Para só fazer 2 jogos no campeonato, não vale a pena.

Herrera - Casemiro foi do 8 ou 80 a meio da época. Herrera vai do 8 ao 80 de um jogo para o outro, mas ao longo da época foram bem mais os 80s do que o resto. Melhorou muito na precisão do passe, embora continue a nem sempre tomar as melhores decisões (momento de soltar a bola, passe de primeira), mas é sempre o jogador que mais corre, deixa sempre tudo em campo, fez alguns golos importantes e valorizou-se para um patamar acima do que o que o FC Porto investiu nele. Tem mais dois anos de contrato, o que para um jogador caro leva a que a sua situação seja revista. Serve de garantia num empréstimo com a célebre e quase obscura (na medida em que pouco se conhece) For Cool Co Ltd (envolvida em negócios com Walter e Hulk, mas de quem quase nada se sabe publicamente), com um método de reembolso que não é esclarecido pela SAD. Significa que interessará manter Herrera com uma valorização alta, com vista a uma transferência, nunca abaixo dos 20M€. Ficando no plantel, é natural que se mantenha como primeira escolha para o meio-campo. 

Óliver - O menino que ninguém queria e que agora todos querem de volta. Como Deco, não corre, desliza pelo campo. Foi a sua primeira época como titular numa grande equipa, e o início não podia ter sido mais promissor. O regresso ao FC Porto será sempre uma porta entreaberta, que dependerá da avaliação que Simeone fizer dele. Ter um jogador assim melhora qualquer equipa, e em 2015-16 fá-lo-ia muito mais. Óliver Torres mostrou, também, que nem só 10 anos de casa fazem um jogador à Porto: às vezes a mística já nasce com eles. Só precisa do sítio certa para se revelar. Serás sempre um dos nossos, Óliver.

Quintero - O caso mais discutido ao longo da época. Quando a bola lhe chega ao pé, ganha olhos e constroem-se mil possibilidades. Fora disso, Quintero ao fim de 30 minutos já está rebentado, é lento e não sabe jogar sem bola. Num 4x3x3, não há médio assim que se safe num clube de topo. Ao fim de 2 anos, pouco ou nada evoluiu. E a SAD assumiu o investimento de mais 4,5M€ no seu passe, mesmo sem que Quintero fosse um indiscutível para Lopetegui. O natural seria Quintero entrar na próxima época como titular, mas pouco fez para justificar isso. Ter talento não chega e Quintero tem sido a maior prova disso. Ou se assume como opção para 2015-16 (e isso depende mais do próprio Quintero do que de Lopetegui) ou é tempo de recuperar o investimento.

Os bês - É difícil avaliar em pleno o rendimento de uma equipa B quando não há treinador que a saiba potenciar/fazer evoluir. A insistência de Luís Castro em formar um trio de meio-campo com 3 jogadores de características mais defensivas em simultâneo prejudicou equipa e jogadores.  Mas tentemos. Mikel não jogou esta época, por lesão, mas muito dificilmente entraria nas opções de Lopetegui, pelo que um empréstimo a um clube de primeira liga é o ideal. Chico Ramos, já com contrato renovado, faz uma boa época, tornando-se já um indiscutível na B no seu primeiro ano de sénior. Tomás Podstawski, melhor a 6 do que a central, também tem um bom primeiro ano de sénior. Para segurar, obviamente. João Graça demorou a entrar na equipa e teve pouco espaço, mas mais por culpa do meio-campo altamente conservador de Luís Castro do que por falta de talento. O mesmo podemos dizer de Pité, a um nível baixo face ao que prometia no Beira-Mar, mas também algo lento e ainda com pouca intensidade (precisa de mais tempo de jogo). Já Pavlovski tornou-se um mistério: todos sabem que é bom jogador, mas Luís Castro raramente lhe deu continuidade. O FC Porto deveria comprá-lo, mas sem loucuras à Kayembé. E há ainda Leandro Silva, que foi subindo na formação como uma espécie de 12º jogador, mas já tem longo percurso nas seleções e assumiu-se como o patrão do meio-campo. O ideal seria rodar numa primeira liga, sobretudo aproveitando a projeção que teve em Inglaterra.

Pergunta(s): Qual foi o melhor trio de médios da época? Que futuro para Campaña e Quintero? Herrera deve continuar ou ser negociado - por que preço? Qual seria o trio ideal para 2015-16 (com potencial contratação à mistura)?

48 comentários:

  1. É pena que Quintero não se empenhe mais, com menos 5kg e mais evolução tatica tinhamos uma mina. Ele bem tenta reagir a perda de bola e mostra-se empenhado dentro de campo mas por vezes não está no local certo para receber a bola mas é sem duvida o melhor recurso para um apoio próximo ao ponta de lança, por algum motivo jackson gostava de jogar com ele. Das duas uma, ou lhe puxam as orelhas e obrigam a trabalhos redobrados e ele aceita para evoluir ou então temos mais um iturbe :(
    Quanto ao Herrera acho que este ano pode ainda evoluir mais com mais um ano de Lopetegui e poderá render mais futuramente.

    ResponderEliminar
  2. herrera tem de sair, nao cabe no esquema do treinador, nao vale a pena e nao e inteligente pelo menos a jogar.

    ResponderEliminar
  3. Mais uma análise sem nada a apontar. Parabéns pelo trabalho e dedicação que faz deste blog um sitio onde vale a pena passar!

    Quanto ao meio campo, eu tenho um feeling que Óliver regresse. Ou envolvido no negocio de Jackson, ou novamente por emprestimo.

    Logo o meu meio campo de eleição seria: R. Neves, Herrera e Óliver. Caso ele não volte R.Neves, André Andre (se se confirmar a transferencia) e Herrera.

    Gostava que Quintero se afirmasse e explodisse de uma vez por todas.... mas parece algo quase utópico. Logo, tentar fazer com ele o que foi feito com Iturbe.

    Bem haja.

    VG

    ResponderEliminar
  4. Parece me que para o ano vamos ter um meio campo mais português, partindo do princípio que a tática vai mudar aposto no duplo pivô com Danilo pereira e André André ou Rubem Neves com Lucas lima mais à frente(partindo do princípio claro) depois ainda há Sérgio Oliveira, Evandro, herrera, Quintero, Carlos Eduardo,Evandro ...oliver? Parece me nomes a mais, sem esquecer que braimi fez birra e quer jogar a 10. Mas eu para este ano apostava em dois nomes sem medo Leandro da B e cassama dos juniores, não para jogar claro, mas para evoluir, gosto tanto deles, só espero que não se percam nem que o porto os perca

    ResponderEliminar
  5. Saindo Casemiro, Campaña parece-me uma excelente alternativa. Daquilo que fui vendo quando jogou na Taça da Liga ou na equipa B pareceu-me um excelente jogador.

    O único problema que lhe aponto é que parece ser um daqueles trincos à espanhola, que são mais para construir que para destruir, que num esquema como o do Porto me parece o mais indicado...

    ResponderEliminar
  6. Boa noite a meu ver de todos estes médios ficaria com R.Neves e Evandro e acho que o Porto deveria dar o tudo por tudo por Oliver quanto ao restantes guia de marca.O plantel deveria ficar tb com Mikel;S.Oliveira e André.

    ResponderEliminar
  7. Continua a ser o sector que precisa de mais definição, algo que se vem a repetir desde a saída de Moutinho. Ninguém naquele meio campo foi consensual, apenas Oliver e nem é nosso.

    Precisamos de 1 trinco para ser titular indiscutível (e por mais de 1 ano como foi Casemiro, que tinha o perfil ideal), de um nº 8 todo o terreno com o pulmão do Herrera mas mais aguerrido e com melhor qualidade de passe (será André André?) e um 10 que dure o jogo todo e não se limite a esperar que a bola lhe chegue ao pé (Evandro? Carlos Eduardo?).

    Ruben Neves deverá manter-se no papel que teve este ano (2º trinco do plantel), Herrera ou é bem vendido ou deve disputar o lugar de box to box, e a 10 temos as duas opções que referi atrás mas gostava de ter um talentoso como Quintero mas com outra atitude (poderá ser Otávio? Josué?).

    Sergio Oliveira na minha opinião não tem qualidade sequer para suplente mas reconheço que poderá colmatar o problema das bolas paradas.

    ResponderEliminar
  8. Subscrevo, em particular a parte do Óliver. Mística é isso, é como ele joga, como se empenha, como se entrega de corpo e alma à sua equipa de forma tão apaixonada, para além do indiscutível talento que ali mora.

    Tê-lo mais um ano seria o melhor reforço possível para a próxima época.

    E por falar em reforço, estranho que se fale de um possível empréstimo de Quintero ao Flamengo. No Porto duvido que tenha lugar, mas, enviar um jogador que custa 9,5M€ para o Brasil? Quem é que se lembrou de tal coisa?

    ResponderEliminar
  9. Não, não quero o Olíver, nem o Herrera. Não vale a pena comentar isto, são jogadores com bom marketing...

    Danilo Pereira // Rúben Neves
    André André // Sérgio Oliveira
    Evandro // Carlos Eduardo // Bueno

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse meio campo é para lutar pelo 4º lugar!

      Eliminar
  10. Com andre andre ficamos com um meio campo cheio de raça. Infelizmente nao teremos o oliver, o que me deixa triste. É um jogador que dá mais magia ao futebol e o torna um desporto especial. Com alguma sorte num negocio de jackson... Mas e pedir muito.
    Herrera era de negociar. Evandro e andre andre faziam tao bem a posicao como ela ou ate melhor a nivel de passe. Talvez seja o medio a fazer dinheiro agora. Um clube ingles calhava bem para o estilo de jogo que tem. Campanha e jogador a menos. Nao sei a razao mas nao faz falta. Cassie era a melhor opcao para o lugar de casemiro, e claro que q nossa perola teria ainda mais tempo para crescer e fazer-se um novo pirlo.
    Caro td, ha hipoteses de oliver? E gerido pelo mendes que detem parte do passe... Digamos que tem sempre um olfacto magico bestas alturas. Opiniao?
    Abraco

    ResponderEliminar
  11. Danilo Pereira | André André | Bueno

    ResponderEliminar
  12. Bom dia TDD não acredita em uma possível mudança de tática para a nova época?
    A meu ver o 4-4-2 faz todo sentido como forma de potenciar ainda mais a nossa equipa.

    Abraço

    ResponderEliminar
  13. Mais um excelente artigo Tribunal. Coerente e sério. Acho que o Porto fez um negocio brutal com o Casemiro sem duvida. Acho que agora as fichas todas devem ser apostadas em Oliver. Nem que seja a permanencia de mais um ano por empréstimo. Com este cenário acho que se abria as portas da saida para Herrera.

    Para mim , o meio campo perfeito era este:

    Ruben Neves , Danilo Pereira , Oliver , André André , Sérgio , Evandro e Lucas Lima.

    Se fosse assim vendia Herrera , se Oliver não continuasse continuava com o Herrera. Sair os trÊs ( Casemiro , Oliver e Herrera ) é que acho que era errado.

    E ainda temos a situação de Carlos Eduardo que se mostrar na pré-época também pode ficar. Se o treinador não contar com ele , bem que podemos realizar um bom encaixe que tem muito mercado em França.

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  14. TdD, Como tenho feito nesta sucessão de posts, respondo directamente às perguntas feitas, com aquilo que é a minha convicção:

    Qual foi o melhor trio de médios da época?
    Claramante Herrera, Óliver e Casemiro.

    Que futuro para Campaña e Quintero?
    Não me parece que tenham grande futuro no Porto... Campanã nunca foi uma aposta do treinador e Quintero foi mas sempre desiludiu, quer na ala quer no meio. Devolver Campanã e vender ou emprestar Quintero para valorização (e com uma clausula de 20M€) é o mais correcto. a nível da gestão desportiva e financeira.

    Herrera deve continuar ou ser negociado - por que preço?
    Herrera é um jogador ímpar no nosso clube... um box to box do melhor que existe e que cobre uma quantidade de terreno enorme... o problema dele são as oscilações de forma no decorrer do próprio jogo e as paragens cerebrais em zonas recuadas do terreno.

    Eu prefiro continuar com Herrera e penso ser de extrema importância esse facto, pois meio-campo que já perdeu Casemiro e provavelmente Óliver, não deve ser mais mexido e o que significa na prática, renovar de imediato com o mexicano.

    Qual seria o trio ideal para 2015-16 (com potencial contratação à mistura)?

    Eis uma pergunta complicada... Sérgio Oliveira não me dá confiança para uma titularidade e Carlos Eduardo idem idem aspas aspas.

    Será que o Ruben Neves já se aguenta a titular a 6 ou será que é um melhor 8?

    Existem coisas que só Lopetegui pode responder mas a minha aposta seria em

    Danilo Pereira (Maritimo) ou Danilo (Braga) / Rúben Neves
    André André/Rúben Neves e Herrera

    Ficando Sérgio Oliveira e Evandro para opções... saíndo Carlos Eduardo para França onde tem muito mercado, Campanã de volta à Sampdoria, Casemiro para o Real e Quintero para algum sítio.

    ResponderEliminar
  15. Bom dia,

    Já há muito que sigo este grande blog, mas apenas agora me deu para comentar

    Quintero: Em dois anos já deu para perceber que não serve. não sei se será culpa dele ou de outro, mas não serve.

    Ruben Neves e Evandro: Têm de continuar. Acrescentam qualidade e classe a esta equipa.

    Herrera: Se aparecer uma boa proposta é pô-lo a andar. Ninguém nega a sua qualidade, mas não podemos ter algúem que rende essencialmente na Champions e depois vai dormir para os jogos do campeonato (ex: Nacional à cabeça).

    André André: Este não engana. Tem qualidade e está bem orientado pelo pai. Grande aquisição.

    Otávio: Foi contratado exactamente para quê? E pelo que me lembro não própriamente barato. Tem de ter uma oportunidade para se poder aferir o seu valor.

    Campanha: É pena não ter jogado mais. Pareceu-me sempre melhor que o Casemiro, mas não teve oportunidades.

    Sérgio Oliveira: Infelizmente parece ser (mais uma, para não variar) contratação para encher chouriços.

    Oliver: Não dá para cometer uma loucura? Disseste exactamente o que penso: este faz lembrar o Deco, não falha passes e aquela forma de sair da "cabine telefónica" como ele faz é um regalo aos olhos.

    Gostava também que o Josué tivesse outra oportunidade. É da casa, tem amor ao clube e um pé esquerdo como poucos. Tem de controlar melhor o temperamento.

    Em relação ao Carlos Eduardo: penso que esta época evoluiu, mas como já temos o Evandro, acho que não ganhariamos muito em ter os dois. Diz-se que ele terá mercado em França e isso é de aproveitar.

    Mais uma questão: Não poderá o Brahimi jogar no meio-campo? Sabe jogar lá e sempre parece mais fácil arranjar um extremo do que um médio (fala-se no Deulofeu por emprestimo, apesar de não ser muito adepto desta modalidade).

    Maio campo ideal: Ruben Neves

    Oliver/Brahimi (contratação) André André

    ResponderEliminar
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  17. No modelo do lopetegui o herrera é para vender. O meu meio campo seria Sérgio oliveira, ruben neves e brahimi a 10.

    ResponderEliminar
  18. Danilo Pereira tem de ser contratado JÁ! É o unico jogador de seleçao q ainda n está inacessivel ao Porto, é excelente e tem ainda margem de progressao. O Porto precisa dos melhores jogadores portugueses para q n aconteça o mesmo q aconteceu este ano na CL em q tivemos dificuldade em inscrever jogadores e depois fomos a munique sem lateral esquuerdo...
    Andre andre e danilo pereira foram os grandes destaques tugas da epoca 3 grandes excluidos. O andre parece garantido, o danilo tb tem de ser!

    ResponderEliminar
  19. E para as bolas paradas mete o evandro.

    ResponderEliminar
  20. Com as saidas de Casemiro e Oliver é imperioso que o Herrera fique, no entanto, e face á sua sobrevalorização em alguns mercados e face á sua inconstancia exibicional, se alguem ofecerecesse 20M ou mais por ele era de aproveitar. Não podemos perder oportunidades como nos aconteceu com Rolandos, A. Pereira e etc, nem que se rejeitou propostas chorudas e que nos veio a custar caro!

    Casemiro já se sabe que não vem, Oliver é muito dificil, embora ache que ele não serve para o estilo de jogo do Atl. Madrid. Evandro é um polivalente, um universal. Indispensavel, na minha opinião e que merecia muito mais do que teve nesta última época. R. Neves vai continuar a ser trabalhado.

    Espero que o FCP oficialize brevemente a contratação do Danilo Pereira, é um grande jogador e já há muito que o peço! 4 milhoes é quase dado. Daqui a 2 ou 3 anos vendemos por 20 ou 30 milhoes.

    Meio campo da próxima época, pelo que se fala: S. Oliveira, R. Neves, A. André, D. Pereira, Herrera, C. Eduardo e Evandro. GOSTO MUITO! Embora também ache que falta ai um criativo ao estilo Quintero\Josué. Já sei que muitos odeiam o Josué, não sei porque, mas voltou a demonstrar que é um grande jogador na posição 10.

    Dito isto, acho que o FCP para o ano irá variar entre o 4 3 3 e o 4 4 2 losango. Ve-se uma aportuguesamento do plantel, que me agrada bastante. Redução brutal dos custos em termos de salários também se avista.

    Saí Izmaylov, Rolando, Danilo, Jackson, Casemiro, Oliver, Campana, etc. Muitos milhoes de salários se poupam. Só nestes devem estar uns 10\15 mihoes de salário\ano.

    PS: 10 milhoes pelo MAICON ?? VENDAM por favor. é aproveitar enquanto se pode!

    Joel

    ResponderEliminar
  21. Falou-se no Bueno e ainda não consigo perceber essa contratação e acho que já está na hora de apostar mais nos nossos mas com cabeça não acho Herrera melhor que André nem S.Oliveira.Quanto a Quintero acho-o o preguiçoso e com tiques de vedeta e não vale o investimento o emblema no peito nem o número nas costas por mim era vender todos os excedentários do clube excepto o jovens oriundos da b ( Ivo Rodrigues,Leandro etc) e com o encaixe tentar comprar Oliver basta de negócios ao estilo de walters e Léo Limas se é p ir buscar Índios que sejam MTS bons e profissionais senão temos bons jogadores portugueses e alguns portistas por ca e a Sad que olhe para o que CA temos e os administradores que pensem no clube primeiro em vez de encher os bolsos com as comissões por contratar índios que em nada são melhores que os nossos.Quantos jovens da casa já foram queimados TdD?adorava saber.Somos Porto.

    ResponderEliminar
  22. Eu vejo o meio campo do Porto como a setor mais importante a reforçar este ano! Mas não é com André André ou Sérgio Oliveira que lá vamos!

    Eu acho engraçado olhar para muitos comentários e ver um meio campo do Porto com Ruben Neves, Danilo Pereira, André André, Evandro, Sergio Oliveira, C.Eduardo e achar que com estes jogadores vamos conseguir ganhar alguma coisa! Parece o que lia á duas épocas quando chegaram os Licás, Josués! Destes nomes não á um jogador de top, um único! Vamos aguardar para ver o que nos espera o resto do mercado, mas até agora ficamos pior, bem pior, com as saídas de Oliver e Casemiro e entradas de André e Sergio Oliveira! Quanto a Herrera seria para vender, nestas duas temporadas demonstrou estar aquém do que a equipa precisa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até parece que há donos da verdade? Não podemos divergir nas opiniões?

      Saudações.

      Eliminar
    2. Eu lembro-me é de uma época em que fomos buscar um tal de Derlei ao Leiria, um Paulo Ferreira ao Setúbal, um Pedro Emanuel ao Boavista ou um Maniche ao Benfica B e ganhamos tudo cá dentro e lá fora.

      Eliminar
    3. Podemos, e ainda bem que é assim.

      Cumprimentos

      Eliminar
  23. Boa tarde

    Em relação meio campo:
    Com a "saída" do Casemiro (obrigado, principalmente muito boa 2ªmetade da época), espero que venha o Danilo Pereira, bom a defender, forte jogo aereo, bom sair com bola, e tem uma clausula de 4 milhoes para o que pode dar desportivamente e de retorno finaceiro, era para ontem antes que alguém se chegue à frente, principalmente os rivais as galinhas ou os lagartos; Ruben Neves, Evandro e Herrera continuam, não podemos perder o meio campo completamente, pois eu não acredito que Oliver volte (se voltar será grande supresa), depois temos a entrada de Sergio Oliveira, André André e regresso de Carlos Eduardo que fez uma grande época, o Quintero tenho pena não ter justificado, mas estou farto, teve oportunidades e praticamente desperdiçou quase todas não rendeu, será outro Iturbe. Fala-se do Lucas Lima não conheço, nem da sua qualidade, espero por novidades, não esqueçendo que Brahimi pode jogar no meio campo, penso que que Bueno puderá jogar no meio, mas como nº10 puro.

    Danilo Pereira/Ruben Neves
    Herrera/André André/Sergio Oliveira
    Evandro/Carlos Eduardo/Lucas Lima?/Brahimi

    joker-Bueno

    ResponderEliminar
  24. Para quando uma analise ao que mais me interessa a mim pessoalmente.. Patrocinio das camisolas, dia apos dia e nada de novo; mercado..o que vem ai; vamos ter soluções a altura para colmatar as saidas ?

    ResponderEliminar
  25. Esqueçam o Danilo, o sr do guardanapo não curte o FCP, logo n nos vendeta o jogador.

    ResponderEliminar
  26. Caro colega se o ano do Lica foi mau foi,mas se perdemos esse campeonato não foi por o Lica ser um perneta, o Josué um insurreto etc. Para mim Paulo Fonseca não teve material para ter uma equipa de jeito dai ter comentado que deveríamos de ir buscar o Oliver dando o tudo por tudo por ele. André já provou ser um médio MT lutador e organizado e a meu ver é MT melhor k Herrera mas por ser português vale menos? Diga me em que é que ele é melhor que o André ou que o Danilo Pereira ou s.oliveira???acho que o jogador português é bom mas aqui não damos valor ao que é nosso e sou defensor se é para gastar uma pequena loucura que seja em craques como Oliver em vêz de Adrian flopez etc o que me entristece é k vejo ano após ano a SAD a só querer saber de milhões e encher os bolsos e o Portismo não é só ser campeão nacional ou o regozijo de sermos quem vende mais e melhor o portismo é apoiar o Porto na bonança e na tormenta fora e dentro do campo suar a camisola dar cabo da garganta e por ai fora daqui desejar que jogadores como Brahimis r quinteros sejam despachados chega de sermos um entreposto eu anseio pelo próximo Paulinho Santos;Baía; Jorge Costa; Bruno Alves;Deco;Lucho; Ninja etc.Somos Porto

    ResponderEliminar
  27. Tiago Rodrigues na posição 6.

    ResponderEliminar
  28. Caro Td...
    Danilo Pereira, fala-se que não estaremos sozinhos, um tal de clube angolano com um mister chiclas... está também na corrida...
    Leilão Ghilas v. 2.0 ?

    Jacinto Alves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os vermelhos pelos vistos lançaram um ataque em larga escala as camadas jovens do FCP.

      Sobretudo nos escaloes mais baixos.

      Vao levar varios jogadores e um deles vai custar muito, muito ver sair.

      O FCP nem á paulada acorda, na formaçcao.

      Porra, quando é que isto muda.

      Eliminar
    2. Dois irmãos Silva do FCP para o Benfica, Jorge Silva 16 anos e Fábio Silva.

      Eliminar
  29. melhor trio sem duvida foi casemiro, herrera, oliver, mas com boas indicaçoes de evandro e ruben neves... quintero por mim saia num emprestimo a iturbe...
    herrera acho que ta mais que visto que continua, tal como ruben, evandro por mim fica
    gostava de ver danilo pereira no porto mas tou a ver que o TdD nao tem falado das noticias que tem saido...
    por mim ficava assim o meio campo: danilo pereira, ruben neves, herrera, andre andre, evandro, sergio oliveira e carlos eduardo... trio titular: danilo, herrera e carlos com andre e sergio a poderem roubar lugares talvez

    tanto medio apontado ao porto: lucas silva, lucas lima, wallace, danilo, andre andre (nao é oficial ainda), caso oliver para gerir, e quintero, e mais sei la quantos que ja se falaram...

    ja agora ainda campanha gostei do que vi nele e por mim ficava mas entre ele e danilo prefiro danilo, mikel deveria ir emprestado a um clube da primeira liga e continuo a perguntar sergio oliveira vem para que posiçao? sinto-me desesperado -.-

    ResponderEliminar
  30. Penso que a ideia de Lopetegui será contratar Lucas Silva e Danilo Pereira para médios defensivos passando Rúben Neves a jogar a médio centro, tanto que até já começou a prepará-lo para essa posição em alguns jogos esta época. . .

    Eu sinceramente não desgosto da ideia, o Rúben tem tudo para evoluir a MC e daqui a uns anos ser um dos melhores nessa posição, e com Danilo e Lucas teríamos 2 excelentes opções para médio defensivo...

    Herrera para mim não é jogador para o estilo de posse do Porto, deveríamos aproveitar que está bem cotado no mercado e fazer um bom encaixe com ele... por outro lado vejo com bons olhos a chegada de André André, um jogador muito ao estilo de Moutinho e é portista, Sérgio Oliveira também pode ser uma boa aquisição, faz todas as posições do meio-campo além de também ser portista

    Para médio ofensivo fala-se em Lucas Lima mas prefiro que façam de tudo para manter Óliver pró ano, a juntar Bueno e Evandro ficaria a posição muito bem preenchida

    Sendo assim, o "meu" meio-campo pró ano:
    Danilo Pereira - Lucas Silva
    André André - Rúben Neves - Sérgio Oliveira
    Óliver - Bueno - Evandro

    ResponderEliminar
  31. Atendendo ao cenário actual, Ruben Neves, André André??, Evandro, Carlos Eduardo, Herrera, Sérgio Oliveira.
    Supondo que o Quintero vai para outras paragens quer-me parecer que fica a faltar um trinco puro e o Danilo Pereira, na minha óptica o melhor jogador da época fora dos grandes é a opção ideal, um jovem de muitíssima qualidade.
    Se o conseguissemos contratar acho que estes 7 seriam o ideal e não haveria espaço e razões para fazer o esforço financeiro de ir buscar o Oliver (belíssimo jogador) ou outro qualquer jogador.
    Além de que em caso de necessidade, teríamos belíssimas hipóteses na B para ajudarem a colmatar, afinal também para isso que ela serve!
    Nuno

    ResponderEliminar
  32. grande negocio feito pelo FCP, em que diria que o mesmo podia ter sido feito com o Oliver.
    no fim de contas, os clubes sabem que jogadores a rodar no FCP e' sinonimo de evolucao.

    uma nota quanto ao Ruben, foi grande vitoria de Lopetegui mas cuidado... se formos recuar no tempo vemos que Ruben so teve hipotese porque o Mikel se lesionou, se nao nao sei ...

    ResponderEliminar
  33. Tenho para mim que irá haver alteração de sistema. Os espanhóis sempre gostaram mais de jogar com duplo pivot e um 10 nas costas do ponta de lança. Talvez seja essa a ideia de Lopetegui. Pelo menos é assim que entendo as contratações até agora... Bueno para jogar nas costas de Aboubakar, tal como Adrian se ficar. André e Sérgio também fazem o duplo pivot desde que tenham algum recuperador de bolas mais forte a seu lado.

    Portanto um sistema mais próximo do 4-4-2 será pelo menos uma segunda opção, mas quando o plantel estiver definido será mais fácil prever o que aí vem.

    Agora... o melhor trio deste ano sem dúvida Casemiro, Óliver e tenho que por o Herrera apesar de não ser fã. Portanto Casemiro já saiu, oliver parece dificil voltar e o herrera.... sinceramente tenho duvidas. Pouco inteligente, defeitos técnicos, falhas de concentração... Por uma boa proposta vendia. Mas reconheço que deu jeito, mas parece demorar a aprender, esta época já devia ter sido melhor.

    Quintero já o disse aqui, perdi a paciência. Só não percebo que alminha se lembrou de ir recomprar o resto do passe quando se via que seria mais uma época em que não calçava. E não são os outros que estão errados quintero, és tu! É uma pena... tanto talento desperdiçado. Se calhar tem aprendido com o quaresma, esse jogador à Porto...

    Dos B's, gosto muito do Tomás e do Chico Ramos. E o Tiago Rodrigues sempre me pareceu com muito potencial. Mas onde se arranjar espaço para tanta gente num plantel? Até o lendro silva fez uma excelente época. Pavlovski é craque. Tem que jogar mais.

    ass:João Reis

    ResponderEliminar
  34. Cada vez menos activo, o seu blog.

    É uma pena pois é o único blog que acompanho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, conforme foi dito há duas semanas, neste mês será difícil ter posts tão regularmente quanto desejado. Mas todos os temas «pendentes» serão abordados assim que possível.

      Eliminar
    2. Um excelente blog, explicativo, assertivo, qualidade 5 estrelas!

      Eliminar
  35. Para mim Quintero é o melhor médio do F. C. do Porto. Inteligente, toque fácil, Com um ponta de lança matador, seria dos melhores 10 do Mundo. Aqueles avançados dos Juniores e dos sub 20 seriam os ideais para jogar com Quintero. Não sou grande adepto de Oliver. Joga muito curto, lento, num espaço reduzido de terreno e encosta-se muito ao colega mais próximo. Raramente dá profundidade ao jogo e anda sempre em zonas muito congestionadas. A não rentabilizar Quintero como 10, esse 10 só poderia então ser Brahimi. Criativo, sem medo do um para um, tabela fácil e remate pronto. Também não acho que André André ou Sérgio tenham lugar no F. C. Porto.Ruben Neves também o acho muito verde. A não vir Danilo Pereira, e não se perspectivando um grande trinco em altura e categoria, Reys poderia bem trabalhado dar um bom trinco à moda antiga. Evandro e Herrera deveriam ficar e Ivo Rodrigues também deveria fazer parte do plantel. É uma opinião que pode não ser consensual, mas é o que realmente acho.

    ResponderEliminar
  36. O meio campo é a zona do terreno que temos de reforçar com mais cuidado, pois para além de ser uma zona critica para o nosso estilo de jogo, foi a zona do terreno onde tivemos mais baixas (perdemos 2 dos 3 titulares).

    Por outro lado temos de ter cuidado com o orçamento do próximo ano, pois é imperativo baixar custos para não termos de andar a pedir empréstimos de curto prazo trimestre a trimestre.

    Assim a minha sugestão seria;

    Para médio defensivo ir buscar o Danilo Pereira e continuar com Rúben Neves como segunda opção
    Médio Centro continuar com Herrera + Sergi Darder, este último, tentaria trocar com Quintero. Seria um bom negócio tanto para o Porto como para o Málaga
    Médio mais ofensivo ( aqui é que deveria de concentrar o nosso investimento) era ir buscar o Lucas Lima e Evandro.
    Ainda temos André André como jogador que pode fazer mais que uma posição( provavelmente vai estar na posição do Darder)

    Bastante importante é vender excedentários para encaixar algum e reduzir custos.

    ResponderEliminar
  37. "Infelizmente, conforme foi dito há duas semanas, neste mês será difícil ter posts tão regularmente quanto desejado. Mas todos os temas «pendentes» serão abordados assim que possível."

    Obrigada TdD e de certeza que todos compreendemos. Se tiver so 5 minutos de tempo, se poder num comentário so dizer se a questão dos patrocinios das camisolas vai acabar bem, ou se a coisa está "preta", acho que todos agradeciamos.. Sobre a silly season penso que ainda ha muito tempo para debater isso. Os patrocinios é que me têm preocupado mais.

    ResponderEliminar
  38. Relativamente à situação financeira dos 3 grandes vi no Record um imagem e que aqui está: http://oinsurgente.org/2015/06/11/das-loucuras-financeiras/

    É esta a situação real dos 3 grandes? E o nosso Porto?

    Cumprimentos
    Diogo Correia

    ResponderEliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.