sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

A hora do 12º jogador, com Lopetegui no comando

Fabian Frei, capitão do Basel: «Sinceramente, não tinha visto uma equipa tão forte neste estádio nos últimos dois ou três anos. (...) Não, nem mesmo no jogo do Bernabéu em que perdemos 5-1. O Real é incrível do ponto de vista individual, mas coletivamente o FC Porto é mais impressionante. A forma como eles correm, como crescem, como são do ponto de vista técnico…É difícil acompanhá-los».

Paulo Sousa, treinador do Basel: «O FC Porto foi super, super, super superior a partir do vigésimo minuto (...) Foi o nosso pior jogo desta época. O FC Porto foi muito superior».


Costinha, ex-jogador do FC Porto e antigo director do Sporting: «Lopetegui tem toda a razão no que diz. Eu quando joguei no FC Porto sentia exactamente o mesmo. O FC Porto ganha, joga bem, controla, está melhor e o mérito vai sempre para a equipa que defende. O FC Porto banalizou o Basel».

Três tipos que não percebem nada disto, portanto. O FC Porto fez em Basel mais do que o Real Madrid (com a ressalva do Real ter ganho, apesar de ter levado massacre todo o jogo), o Liverpool, o Chelsea, o Bayer Munique e o Manchester United nos últimos 4 anos em Basel. Ontem eram os números que o diziam, como puderam ler aqui. Mas já não são os números que o dizem, é o próprio capitão do Basel.

Claro que isto não é garantia de nada. Em 2012-13 Chiellini disse que só queria evitar uma equipa na Champions, o FC Porto. E a verdade é que o FC Porto foi eliminado pelo Málaga, que apesar do valor que tinha era a equipa que todos queriam nos 1/8. Tal como este ano a maioria preferia o Basel. Para muitos o que separa a qualidade do fracasso, infelizmente, são os resultados. Não tivesse Danilo marcado o penalty e viria aí o enésimo apocalipse da era Lopetegui. 

Já vimos o FC Porto jogar bem e menos bem. Mas nunca vimos o FC Porto de Lopetegui encolher-se, nunca o vimos deixar de lutar, nunca o vimos ter menos remates, posse de bola e iniciativa do que os adversários. Se calhar preferiam os catedráticos da nota artística, que tanto espectáculo dão que são corridos à primeira da Champions e nos jogos grandes encolhem-se a defender o pontinho. Ou os treinadores que são líderes, enfrentam a ditadura e empolgam as massas, mas chegam ao campo e tacticamente kaput. Vale tanto como ter umas belas jantes cromadas, mas na altura de arrancar salta-se o pneu.

Para as memórias mais curtas, o FC Porto desde que ganhou a Champions só foi uma vez aos 1/4. Em 10 anos. É extremamente difícil consegui-lo para uma equipa portuguesa. Mais difícil ainda, é conseguir estar 9 jogos seguidos na Liga dos Campeões invictos. Com um plantel totalmente renovado. Com um treinador não só novo como com novas ideologias. Com a pressão de saber que está num Campeonato onde o que fizer dentro de campo pode não chegar. E ainda por cima tendo de superar a depreciação da crítica, mas também dos próprios «adeptos».

Estamos num ciclo extremamente importante. Boavista (que dá pau à Basel, e curiosamente foi escolhido como árbitro Hugo Miguel, que é dos que menos jogadores expulsa no Campeonato), Sporting, Braga e Basel outra vez. Quatro jogos que definem uma excelente Champions e que vão dizer muito da luta pelo Campeonato até ao fim. E a má notícia é que não podemos contar com Óliver, o pirralho que mete a máquina de Lopetegui a funcionar, que vai voltar a ficar de fora um mês.

Sem Óliver, o FC Porto vai precisar de muito mais do que Quintero ou Evandro. Vai precisar sobretudo do 12º jogador. É que quanto a treinador, não poderíamos estar melhor servidos.

15 comentários:

  1. É pau,
    É pedra,
    É o jogo da linha.
    Se com doze nos governamos,
    Com catorze outros fazem regra.

    https://imbictopoema.wordpress.com/

    ResponderEliminar
  2. Finalmente alguém que vê o belo trabalho do lopetegui ! Fizemos uma exibição enorme em Basileia só não saímos de lá com o apuramento já praticamente garantido pq nao calhou.
    Actualmente somos de LONGE, a equipa portuguesa a praticar melhor futebol, seja a nivel interno, ou nas competições europeias... andaram no inicio da epoca a elogiar o futebol do sporting, e o nosso futebol actual ?! nao vejo um comentador a elogiar.

    André Filipe.

    ResponderEliminar
  3. Vamos lá Portistas, abram os olhos e pensem pela vossa cabeça, temos de facto um grande treinador, vamos todos apoiar fora e dentro do estádio. Somos Porto, somos únicos em Portugal. Orgulho eterno, Bi-campeões do Mundo, Bi-campeões da Europa, Bi-campeões da Uefa, campeões da Super Taça Europeia. Nem que eu vivesse 500 anos iria ver os slbostas ou calimeros a ganhar uma única competição Europeia. Somos os maiores de Portugal, Porto até morrer. Poooorrrrttttttoooooooooooo.

    ResponderEliminar
  4. Gostei e gostei da última frase : "É que quanto a treinador, não poderíamos estar melhor servidos."

    ResponderEliminar
  5. Como sempre dou o benefício da dúvida em relação a quem não conheço!
    Como era o caso do Julen.
    Mal assinou pelo FCP, procurei saber mais sobre ele, do que li sobre as suas ideias, só desejei que a teoria fosse de encontro com a prática e a coisa tinha tudo para resultar. Com o passar do tempo, não só se nota que a teoria bate com a prática, como Julen prova uma e outra vez que é o Homem certo para estar na nossa cadeira de sonho!
    A forma como ele trata a imprensa invejosa e aziada é a cereja!
    VAI PORTO!
    VAI JULEN!

    VAI Tribunal do Dragão(do melhor que anda pela blogosfera)!

    ResponderEliminar
  6. Eu concordo em absoluto que fomos superiores e que até mereciamos sair de lá com uma vitória. Ainda assim acho que é de valor uma palavra para o Paulo Sousa.
    A estratégia dele estava a funcionar porque tinha o Derlis, que é rápido, aparece bem entre linhas. Ele sai e o contra-ataque deixa sequer de ser opção. O Basileia teve de se contentar com tentar não sofrer.

    Ainda assim, uma grande amostra daquilo que podemos fazer. Com algum acerto na 1ªa fase de construção (o Ruben Neves até chora ao ver os passes milimétricos do Casemiro...) podemos fazer coisas ainda mais engraçadas.

    ResponderEliminar
  7. Concordo consigo TdD, completamente!

    Cada vez mais com as ideias do treinador. E Quaresma também parece estar, o grande Quaresma de volta!

    Pena o pequeno génio espanhol estar de fora nesta altura. Entra Ruben ou Quintero?

    P.S.- tenho para mim que Hernâni é melhor que Tello...vai uma aposta?

    Pedro

    ResponderEliminar
  8. Para mim o Basileia está a fazer mind games cuidado com isso... O fcp jogou bem sim mas foram poucas as oportunidades que criou. Herrera enfim dizer mais o que? O comentador da fox ao minuto 28 so pergunta: Onde esta Herrera? Enfim não faço mais comentários. Tello não convence bastou o Quaresma entrar para ai sim o jogo mudar.

    Parabéns ao meu grande fcp agora falta claramente criar oportunidades de golo claras.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quaresma, quaresma e outra vez quaresma... Já estou farto de ouvir falar que o Quaresma muda jogos... Parece que sem ele seremos 0!

      Eliminar
    2. Neste jogo foi o que aconteceu, brahimi quer fintar tudo e todos mesmo quando tem vários adversários a volta, Tello como vem sendo hábito não consegue desiquilibrar decide sempre mal ( percebo agora o porquê de o Barcelona o ter emprestado provavelmente ate o querem vender).

      Quanto a Quaresma não é nenhum salvador alias na minha opinião decide mal a maior parte das vezes( passes errados, remates sem nexo etc) agora ao menos tem a capacidade de mexer com o jogo. Não temos mais nenhum ala assim talvez o Hernani mas ou muito me engano ou vai ter poucas oportunidades esta época.

      Eliminar
  9. Caro Td...penso que Brahimi no meio poderia ser uma solução....
    O Bessa será terreno minado...Hugo Miguel é artista...

    ResponderEliminar
  10. Por acaso calhei de apanhar o 4x4x3 poucos minutos antes de o Costinha ter dado essa resposta. O "Sr Ministro" esteve impecável nessa opinião (e noutras), especialmente porque a questão do moderador, em relação ao "enfado" do Lopetegui para com os jornalistas, foi nitidamente tendenciosa.
    Já agora,um bem haja ao blogue! Já conhecia de nome mas só recentemente comecei a visitar com mais assiduidade.

    ResponderEliminar
  11. meia verdade hoje no Record. A Doyen tentou mesmo juntar os trapinhos pra comer o lagarto de Carvalho. Falta saber o resto. Queremos a verdade toda!

    ResponderEliminar
  12. Prezado Anónimo de 20 de Fevereiro de 2015 às 14:52 e Camaradas (em sentido militar, claramente) Portistas, em particular, Portuenses e Nortistas, sem falsidades, nem paus mandados da Capital e seus horrendos, centralistas clubes, que nem questionam, nós nem passarmos de parvalhões chapados:
    Sem me alongar, com a qualidade desta postagem, ademais habitual neste blogue, julgo que o senhor pôs e foi acutilante, pelo menos, nos jogos mentais... Ver jogadores do Basileia, mais seu treinador, assemelha-se muito aos "mind games", nem de Mourinho, mas escasseia-me a memória para ir mais longe, do próprio John Lennon!
    Jogadores, capitão e Treinador, até se escusavam de vir ao Porto, querendo dizer Dragão, pois querem-nos infundir a ideia, que um empate com golos, a vitória final será nossa, ademais quando comparam a Liverpool e Real Madrid, pretendem que os jogadores do querido Porto, mais o nosso vulgar e paupérrimo treinador, que na opinião do ressabiado Manuel Jose´(e aqui, cumpre-me lembrar-lhes o que dizia Clint Eastwood, no "Dirty Harry", "opinions are like assholes; everybody is entitled to have one."), Julen JAMAIS poderá ser treinador, pois só foi guarda-redes... Escuta, Manuel José! Tu atreves-te a falar, quando, de gabardina de cabedal preto, só tiveste um ligeiro êxito, à frente dos Lampiões Boavisteiros? É como dizia Clint, "opinions are like assholes!"
    Estou, certissimo que Lopetengui y sus muchachos, não se deixarão embalar, nesta vitóris, prévia, do Basileia!
    Mas, o portista Anónimo, expressou, exactamente meus piores receios!
    Cumprimentos,muito cordiais, a si e a todos os Portistas, que idos jornais, sedes bancárias e de seguradoras, que vêem o Porto esvaziar-se e desdenham, para tal bela cidade, Lisboa a transforme em mais uma Coimbra, vêem o FCPorto, um Porto que aprendemos a amar, contra Moçambicanos Atraiçoados, mas com Hernâni, Pedroto, o jogador, vêem o Porto, como nosso último BASTIÃO!
    Abraços sentidos, para si e para os Portistas!
    Júlio Soares de Carvalho

    ResponderEliminar
  13. Acabou o jogo do Moreirense-Benfica. O que acha disto TD, não é gozar com os adeptos dos outros clubes, como é que o Porto pode ser campeão assim?

    ResponderEliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.