sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Prova dos nove

O Dortmund é melhor. Joga melhor. Está mais bem preparado. Cedo impôs as suas armas para continuar na Liga Europa. E o FC Porto nada fez para passar a eliminatória. Com tudo isto, o apuramento do Dortmund e a eliminação do FC Porto da Liga Europa acontecem com toda a naturalidade.

Desistir antes de começar
O FC Porto já ficou praticamente sem hipóteses de passar pelo resultado da primeira mão. Restavam pouco mais do que ilusões. Mas acontece que José Peseiro desistiu da competição ainda antes do jogo no Dragão. É isso que dizem as suas escolhas iniciais, legítimas, mas primeira causa de mais uma derrota no Estádio do Dragão. Tal como aconteceu em Londres: sabia-se que o FC Porto dificilmente resistiria ao Chelsea, mas pelo menos pedia-se que a equipa deixasse claro que fez tudo para ganhar. Não fez, e por isso Lopetegui recebeu justas críticas. Neste caso, o FC Porto também não fez o que estava ao seu alcance frente ao Dortmund. Com a diferença de que, apesar de tudo, deveria ser mais acessível ganhar ao Dortmund no Dragão do que ao Chelsea em Londres.

José Peseiro não é um bom orador, nunca foi. Tem um discurso igual ao de tantos outros no futebol português, feito de clichês e frases para lugares comuns. Isso não é um problema. Ter um bom discurso faz parte de um bom treinador mas não faz um bom treinador. José Peseiro teria, isso sim, que tentar implementar as suas ideias na equipa, sabendo que iria ter sempre a justificação de que estava em fase pós-Lopetegui. Afinal, Lopetegui, ao fim de 18 meses, deixou uma equipa que estava (quase) de rastos; José Peseiro ainda pouco tempo teve, mas como era esperado a mudança de treinador acabou por não surtir ainda grande efeito - a maior diferença é que, comparativamente ao início de janeiro, o FC Porto está mais longe da liderança e fora da Europa. Não só por falta de tempo, como por falta de opções. Em quantidade e qualidade.

Má época nas competições europeias, e veremos o quanto isso se vai refletir perante a necessidade de vender jogadores no final da época. Culpas repartidas entre plantel, Lopetegui, José Peseiro, azar em momentos chave (o jogo do Dortmund foi em fora de jogo, mas neste caso não muda nada na eliminatória) e a construção e gestão do plantel por parte da SAD. O FC Porto falhou em toda a linha na UEFA em 2015-16.






Danilo Pereira (+) - Era fácil prever que era a melhor contratação da época, pois foi tudo aquilo que deveria ser uma contratação à Porto - a viagem até Portimão era dispensável, mas enfim, valia o que estava a custar. E confirma-o a cada dia. Defensivamente, esteve impecável, ganhando 90,9% das bolas divididas e duelos contra jogadores do Dortmund. Acertou 86,7% dos passes, ainda foi ao ataque tentar dois remates (ninguém no FC Porto rematou mais) e foi sempre o primeiro - e muitas vezes único - a tentar empurrar a equipa para a frente. A sua influência também cresce no balneário - no início da época poucas vezes abria a boca, mas agora dá instruções, pede linhas de passe, dá na cabeça aos colegas. O FC Porto 2016-17 tem aqui um dos capitães. Destaque ainda para a exibição de Marcano e para o banco do FC Porto: há muito que não tínhamos tanta qualidade no banco. O problema é que essa qualidade está de braços dados com jogadores rebentados fisicamente, outros com marés de desinspiração e outros que não têm revelado o maior interesse na luta por um lugar no 11.








A abordagem ao jogo (-) - A crítica pode começar em quem deixou que José Peseiro chegasse a este jogo com apenas um central disponível. O FC Porto não pode reclamar ser uma equipa com ambições europeias sem ter sequer uma dupla de centrais para jogar na UEFA. E daqui nasceu o problema: se é certo que Danilo Pereira era essencial no meio-campo, Layún também era essencial pelo seu papel ofensivo no flanco esquerdo. E estando o FC Porto a perder por 0x2 na eliminatória, deixar o seu maior dínamo ofensivo no centro da defesa, acima de tudo preocupado em que o FC Porto não sofra mais golos, mostra que José Peseiro, por muito difícil que fosse montar um 11 consensual, estava acima de tudo preocupado em não sofrer golos. Se é certo que Brahimi e Corona têm estado em má forma e que Herrera e André André não estejam a ter a maior consistência, quem escala esta equipa titular não pode pensar em ganhar ao Dortmund.

Média de golos (-) - Não é que houvesse expetativas de que José Peseiro fizesse o milagre. Não só porque a matéria prima mão é a melhor, mas também por se tratar de um treinador sem um currículo de conquistas. Mas a administração da SAD confiou-lhe a responsabilidade - não pelo trabalho feito, que pouco tem, mas mais pelas ideias do treinador, que vão ao encontro de um futebol mais ofensivo. Era sabido que a equipa iria pior defensivamente com José Peseiro (leva nove jogos), e assim tem sido. Desde António Feliciano, em 1972, que o FC Porto não tinha um treinador com uma média de golos sofridos tão alta (1,44). Em comparação com o passado recente, Vítor Pereira teve 0,72, Paulo Fonseca 0,84 e Julen Lopetegui 0,68. 

Em defesa de Peseiro, importa realçar que está num ciclo de jogos difícil, tendo já jogado contra Benfica e Dortmund. A maioria dos jogos foram difíceis, logo não tem a vantagem que outros treinadores do FC Porto tiveram, ao jogar contra adversários mais acessíveis para equilibrar a balança. Mas é uma conta fácil de fazer: um treinador que trabalha pouco as equipas defensivamente + uma defesa de remendos = a pior média de golos sofridos dos últimos 40 anos. É uma crítica que não vale a pena ser repetida sempre que a equipa sofre golos, mas ou se exige mais do treinador ou condena-se quem não é capaz de formar um plantel que ofereça, pelo menos, uma dupla de centrais para jogar na UEFA.

A chegada de José Peseiro também trouxe expetativas quanto a uma equipa mais ofensiva. Uma vez mais, missão altamente ingrata: não era possível pedir ao FC Porto que marcasse 5 golos ao Dortmund. Mas o rendimento ofensivo da equipa tem que disparar nos próximos jogos. José Peseiro abre com uma média de 1,44 golos por jogo. Nos últimos 50 anos, pior só Víctor Fernández (1,07) e José Couceiro (1), que curiosamente também pegaram na equipa após a demissão de treinadores (um padrão ou infeliz coincidência?). No passado recente, Vítor Pereira e Lopetegui tiveram média de 2,04 e Paulo Fonseca 1,86.

É preciso mais golos deste FC Porto, sobretudo porque muitos adeptos, em defesa de José Peseiro, realçam que este sofre mais golos porque não insiste na posse de bola estéril que era praticada muitas vezes com Lopetegui, preferindo correr mais riscos no ataques. Ok, mas convém que a estatística comece a refletir isso: uma equipa que faça de facto mais golos. Mas volta-se a colocar a questão: problema da estratégia do treinador ou simplesmente jogadores que não estão à altura?

Zero de perigo (-) - O Dortmund só teve que fazer 3 faltas durante todo o jogo.  Três. O FC Porto não teve um único jogador capaz de pegar na bola, ultrapassar um adversário e forçar logo o Dortmund a ter que ir à dobra e a abrir espaço no seu meio-campo. Zero de criatividade nesta equipa. Brahimi e Corona, os mais virtuosos, estavam no banco, mas também não têm estado em grande forma; Evandro não conseguiu capitalizar o efeito pelo seu golo ao Moreirense e poucas vezes pegou no jogo (acabámos agosto a debater a ausência de um médio-ofensivo - e eis onde estamos); Varela é um extremo de apoio, não de rasgo, e não foi capaz de criar perigo em nenhum lance. Marega, enfim, há que continuar a confiar nos muitos portistas que ficaram entusiasmados com a sua contratação, que viram qualidades que mais ninguém vê - se calhar o próprio Marega ainda está à procura delas, ou a guardá-las para um momento Kelvin. Schmelzer disse antes do jogo que não sabia quem era Marega. Provavelmente assim continua, pois Marega não passou nenhuma vez por ele. Não é por falta de empenho, nunca há-de ser. É por outra coisa, chamada qualidade. Se não estiver na Turquia na próxima época vai ser uma grande surpresa. Aboubakar, depois de resolver o clássico na Luz e ir ao banco, esteve sempre sozinho e desapoiado no ataque - sempre que baixou para segurar a bola, as jogadas não tiveram seguimento. Assim ninguém resiste.

Plano negativo (-) - Já todos perceberam que não deverá haver futuro para José Ángel no FC Porto. Está sem confiança e nunca revelou ser no FC Porto o lateral seguro e consistente que se mostrou em Espanha e Itália - e que na altura fez com que a sua contratação fizesse todo o sentido. Por outro lado, a equipa do FC Porto está habituada a que o seu flanco esquerdo seja sempre uma fonte de subidas perigosas do lateral; mas Ángel não é Layún a atacar. E, neste FC Porto, mais ninguém é. Mas Layún estava demasiado ocupado a tentar que o Dortmund não marcasse mais...

O FC Porto teve apenas 37% de posse de bola, o que significa que nunca foi capaz de ser forte na reação à perda e poucas vezes perturbou a gestão do Dortmund (bateu o recorde de número de passes no Estádio do Dragão: 652). A bem da verdade, a determinada altura o FC Porto começou a recuperar mais bolas, tendo que chegou a forçar o Dortmund a uma eficácia de passe que caiu para os 82%. O problema é que equipa recuperava a bola, mas depois... nada. Note-se que Hummels teve três perdas de bola graves logo nos primeiros 10 minutos. A diferença? Quando Boateng e Dante fizeram asneira no Dragão, há um ano, o FC Porto não perdoou e caiu em cima do Bayern; ontem não havia ninguém para castigar o Dortmund.

Era difícil conseguir algo de bom, mas era obrigatório tentar fazer melhor. Com a Taça de Portugal declarada como ponto de honra para esta época, sobram 11 jornadas no campeonato. Se estivéssemos já na 32ª jornada, poderia acontecer o impensável e inaceitável: o Sporting poder ser campeão no Dragão com uma derrota por 1x0. Até lá, há que tentar fazer os (im)possíveis para que esse possa ser um jogo em que haja algo a conquistar, e não algo a evitar.

40 comentários:

  1. A equipa fisicamente está de rastos...
    A Sad não deu reforço algum a Peseiro...pelo contrário!
    Aboubakar em crise...
    Sem uma dupla de centrais em condições!
    Peseiro foi REALISTA! O Fcp não tem plantel para uma Liga Europa!
    No campeonato é mais uma miragem...e a Taça de Pt é a única competição possível!
    Rafa faria pior que Angél? Duvido...
    Marega é um Sami, um Djalma...
    Emprestamos Josué....
    A Sad tem de Assumir responsabilidades e dar jogadores DECENTES a Peseiro!
    Peseiro quando lhe derem um plantel à altura, analisarei o seu trabalho!

    ResponderEliminar
  2. Ninguém repara nas transições defensivas a passo do Danilo? O Varela idem, mas o golo podia ter sido evitado se tivesse algo que faz parte das funções dele. Retira-lhe a moral para depois ralhar com os colegas, coisa que faz cada vez mais.

    Não retira às outras coisas boas que faz (eficácia de passe, recuperações, % de duelos ganhos, apoio no ataque), mas o recuar a passo do Danilo já é um filme velho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só para acrescentar que de resto estou de acordo.
      Houve força e pulmão a mais e qualidade a menos. Se o objetivo era disputar e recuperar as bolas mais acima no campo (que se foi conseguindo), faltou saber o que fazer com elas (Brahimi é indispensável).

      Eliminar
    2. Em minha opinião o problema do Danilo é que sobe demasiado e demasiadas vezes. Acho que o FCP ganharia imenso em tê-lo sozinho como médio defensivo e não num duplo pivot, porque dessa forma ele poderia focar-se essencialmente em cobrir espaços centrais e laterais. Mas com o duplo pivot do Peseiro, ele também tem de subir (como o Herrera ou Evandro) e depois ainda tem de recuar para fazer de trinco. Acho que esta função vai esgotá-lo fisicamente, mas por outro lado vai fazê-lo evoluir no passe e no remate.

      Resumindo, acho que o Danilo tem tudo para ser um dos melhores, senão o melhor, trinco que passou no FCP na última década e meia. Mas tem de ter a sorte de apanhar um treinador que o ensine (podiam chamar o Jesulado para adjunto) como fizeram por exemplo com o Fernando.

      Cmpts

      Eliminar
  3. Notícia d'O Jogo:

    "José Gomes é hipótese para suceder a Vítor Pereira

    O atual presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), que termina o mandato dentro de dois meses, está a ponderar avançar e, caso o faça, deverá reunir o consenso dos três grandes do futebol português - Sporting, Benfica e FC Porto."


    Apoio do FC Porto a esta criatura? Estamos a brincar, certo?


    AA

    ResponderEliminar
  4. Nao vou defender o treinador porque nao sei se será ou nao o certo para o FC Porto mas vou só partilhar o seguinte, numero de dias que Peseiro teve para treinar antes dos jogos (sem descontar viagens e outras limitacoes):

    4+2+2+3+3+4+5+2+3

    ResponderEliminar
  5. Coitado do Peseiro, nao tem hipoteses de ganhar - ora leva nas orelhas porque joga muito ao ataque e desprotege a defesa ora leva nas orelhas porque joga mais seguro.
    Esta ha um mes com a equipa (menos do que uma pre-epoca que qualquer outro treinador tem direito) e ja se medem medias de golos marcados e sofridos.

    Isto tudo vindo de quem acha que o Danilo e um grande jogador... Olhe, sabe como e que se consegue ter um registo de 90% de bolas divididas? Facil, quando a situacao e dificil, nem se vai a bola, ou como diz o Vitor Gomes acima, recua-se a passo e deixa-se a defesa descoberta...

    Eu gosto muito dos textos do TDD sobre financas e contratacoes, etc, mas aqui falta muito conhecimento sobre futebol jogado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então não é um grande jogador o Danilo? Por favor...

      Foi de muito longe o melhor jogador em campo ontem...e já tem sido muito importante noutros jogos...

      Se calhar esse conhecimento de futebol jogado falta a outra pessoa (espelho sff)

      Eliminar
  6. Não estou habituado a ver o FCP entrar em campo para não sofrer golos. Fosse contra quem fosse, o FCP encarava o jogo com realismo mas sempre com a mira na baliza adversária. De facto não temos um plantel rico, mas se nem para a Liga Europa temos plantel é porque algo vai muito mal no clube. O FCP é um clube que pensa nas competições nacionais mas também nas europeias! Mal de nós se um treinador do FCP dissesse que a vitória na Liga Europa lhe traria problemas porque podia passar à fase seguinte...esse custa 6 milhões e só quer o campeonato! Aqui, no FCP, queremos ser fortes, duros e vitoriosos em todas as frentes!

    Outra coisa: para que serve o Dragões Diário? Li hoje, como normalmente faço, e fiquei espantado:
    "Para lá disso, o Borussia foi um justo vencedor de uma eliminatória em que o FC Porto foi obrigado a muitos remendos, por causa das lesões" - ora bem...que lesões? Por termos 1 (UM) jogador lesionado (Indi) já temos de ter vários remendos? Claro que temos...planeamento foi uma desgraça e Janeiro destruiu o que mal já estava! Quando um clube da dimensão do FCP tem 1 lesão e já fica tudo remendado...pouco existe a dizer! Mentir aos próprios adeptos é mau de mais. E sinceramente, já tive mais longe de cancelar a subscrição desta "coisa" que o nosso clube tem.

    Agora há que ir à "Capela" do Belenenses lutar contra tudo o que vamos encontrar! Vamos ter um adversário que não vai abrir as pernas como faz com o clube de regime e por isso temos de lhes dar uma bufadela à Dragão!

    ResponderEliminar
  7. Há que exigir mais ao treinador, e, ao mesmo tempo, condenar a incompetência da SAD no que toca à politica de contratações.
    Estão a semana toda a plantar expectativas que é possível, que os jogadores acreditam, etc. para depois ver uma equipa de taça da liga em campo... Alguém acredita que era possível incomodar com o Varela, o Marega e o Aboubakar lá na frente? Servidos pelo Evandro e o Ruben Neves??
    Seria mais sério dizer a verdade quanto ao futuro na Europa, e apontar baterias ao que resta da época, do que criar uma campanha falsa para vender bilhetes..
    Cumps. HF

    ResponderEliminar
  8. Partilho grande parte da análise menos a parte do Peseiro, o senhor Malheiro escreveu e tem toda razão quando o Peseiro tiver equipa em condições então será feita uma análise ao seu trabalho.
    Mas o Peseiro não se pode criticar porque ele é o menos culpado! Não se pode fazer omeletes sem ovos! Qual foi os reforços que teve? Marega, nem sei como é que o departamento do porto viu nele, é zero!
    Fisicamente a equipa está muito mal, tb não podemos criticar o peseiro nada tem a ver com isso.Uma coisa que muitos se esquecem é que fisicamente estávamos mal mas psicologicamente estávamos de rastos uma miséria, o grupo estava partido não havia alegria, uma equipa morta! E ai temos que dar o mérito ao peseiro porque está a trabalhar bem o psicológico! Um jogador que não se sinta com confiança está perdido, não rende e o Peseiro sabe bem disso. E tudo isso não se altera num mês!
    Não há milagres não temos equipa. A defesa é fraca. Quem é que temos como substitutos de layun e maxi? Ninguém! Para defesa central ninguém a não ser o miúdo que tem tudo para dar num grande defesa. Temos um corona e brahim que jogam sozinhos, ainda não perceberam que o futebol é colectivo, quem viu o brahim do ano passado e o deste ano! E um jogador que poderia dar muito mais a equipa se solta-se mais a bola, poedria ser um grande jogador mas a cabeça não bate bem.
    No ataque não pode dizer que encontramos o substituto de Jackson Martinez nem de perto, aboubakar é um lutador, esforcado, trapalhão tb ! acho que ele é jogador para jogar mais num 442 e não no 443. E depois raramente lhe chegam bolas recua muito! Não temos um grande desequilibrador um 10, o Quarema mandaram embora e ainda poderia ter dado muito ao porto! Não temos um especialista de livres, não temos um grande defesa à Patrão, o meio campo é curto.
    O FCPorto tem 20 jogadores emprestados que lhe custa 58 milhões de euros! Para quê pergunto eu!
    A SAD e toda administração meus amigos é que são os culpados de tudo! Há uns anos que tem sido sempre o treinador a dar o corpo as balas e os verdadeiros responsáveis onde estão?

    ResponderEliminar
  9. Tdd essa crítica fácil a Peseiro...é injusta!
    Lopetegui teve no 1o ano os ovos que queria, lixou o Clasie por causa da fixação a Sergi Darder!
    Peseiro entra a meio...
    Não tem reforços, lesões e um plantel desiquilibrado!

    ResponderEliminar
  10. Nem a feijões gosto que o Porto perca, mas temos que ser pragmáticos: Dortmund tem grande equipa e nada havia a fazer. Por isso, prioridade: Restelo. Não é justo usar estatísticas para bater num treinador que chegou há 5 semanas e que mal tem tempo para treinar. Ganhou na Luz, mantendo viva a (ténue) esperança do título, e está com um pé e meio na final da taça de portugal.

    ResponderEliminar
  11. Vocês viram bem o Marega? Eu não gosto de chamar nomes, mas se isto não é um cepo, não sei o que é um cepo. Não domina uma única bola nem quando vem devagar de um lançamento lateral. Não ultrapassa um único adversário. Os passes são horríveis. É pior jogador do que o Adrián na sua mais profunda depressão e ao lado dele o Djalma era craque.

    Para mim não é um mistério que o Porto o tenha contratado. Foi para o tirar ao Sporting. O verdadeiro mistério é: porque o Sporting o queria?? Jorge Jesus anda assim tão vesgo?

    Quanto ao jogo nem vou dizer nada. A superioridade do Dortmund foi tão evidente, até o treinador deles gozou connosco durante o jogo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na minha opinião 'cepo' já é um elogio para o que ele faz em campo...
      e infelizmente não é o único!

      Eliminar
  12. Este árbitro deve ter algum comprometimento com alguém que não gosta do F C Porto ou tem interesses em que o F C Porto não chegue mais longe, pois da anterior vez que arbitrou um jogo do FCP eliminou um golo à equipa azul e branca depois de ter passado cerca de um minuto da bola ter entrado na baliza, e agora não viu dois tipos em fora de jogo, não era um só, até eram dois. Isto está a bater no fundo. Tanto que em Portugal são nomeações ad hoc, por um só e com dois a abster-se, enquanto a arbitragem está entregue a homens de talhos, tascas e capelas...
    Armando Pinto
    Memória Portista

    ResponderEliminar
  13. Já agora Td...mais grave do que o plantel desiquilibrado que a Sad achou por bem não corrigir com a chegada de Peseiro....
    O Fcp vai Apoiar o FONTELAS para suceder a Vitor Pereira?

    Isto é ESCLARECEDOR!

    ResponderEliminar
  14. Continuo a ver aqui muito saudosismo do Lopetegui

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. o lopetegui tinha razao nao tem jogadores para outro tipo de futebol que nao seja lento e para os lados e para tras, jogando rapido e a serio nao ganhamos um contra equipas mais ou menos.

      Eliminar
  15. O Porto está de rastos física e psicologicamente com ainda ontem se viu, mas para mim o pior é que a SAD está de rastos e já não é de hoje!

    Enquanto não procurarmos outro caminho vamos continuar a caminhar para o buraco!

    ResponderEliminar
  16. Aceito as criticas a Peseiro aqui feitas mas parece-me a mim e a qualquer adepto de futebol totalmente Injustas!!!

    Reforços para Peseiro: ZERO! Para Lopetegui em ano e meio:VÁRIOS E CAROS!

    Plantel DESIQUILIBRADO, responsabilidades: SAD e Lopetegui!

    Confiança, motivação e espirito de equipa ( Psicologia): Peseiro aumentou os niveis, Lopetegui destruiu os jogadores.

    Forma de jogar: melhorou imenso com Peseiro, com Lopetegui era posse de bola para os lados e para tras e nada mais.

    Pragmatismo: sejamos sinceros este FCP herdado por Peseiro tem claramente de se concentrar na Taça e tentar terminar o campeonato em segundo com sorte em terceiro. Na minha opinião Peseiro fez bem em desistir da LE os jogadores fisicamente estão rebentados ( má preparação fisica na pré-época, novamente voltamos ao "brilhantismo" de Lopetegui ) e não aguentam as 3 competições talvez ainda fosse possível se estivessemos em primeiro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse ódio de estimação a Lopetegui, não o deixa ter lucidez no pensamento.
      Depois resulta neste texto...
      Enfim!

      Eliminar
    2. José Sampaio por favor diga-me onde errei/menti na minha análise.

      E sim odeio um treinador que tendo dos orçamentos mais caros da história do clube destruiu a forma de jogar/ser/lutar do meu(nosso) clube.

      Eliminar
  17. Foi um jogo vergonhoso para o que é o FCP. Algumas opções questionáveis, principalmente tendo em conta o que foi dito na antevisão do jogo. O que se viu foi que durante a semana a equipa mentiu, não acreditaram que podiam passar. Eu nem pedia que a equipa passasse, mas pedia que deixasse uma boa imagem na despedida e não se limitassem a ver o Dortmund jogar enquanto quis e, depois, deixar os alemães a dormirem, treinarem, fazerem o que quisesses.
    Em resumo: muito pouco Porto, jogo que deu sono, como já houveram alguns esta época. Continuando assim, se ganharmos a taça já será muito bom, tendo em conta o estado da equipa, direcção e mudança de treinador. Estou curioso para ver se a próxima época é mais um ano zero...
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. my friend o dortmund hoje e o dobro melhor que o porto em tudo, mesmo emtudo ate nos adeptos.

      Eliminar
  18. Marega ultrapassou schmelzer 3 vezes. Marega nao é um extremo e ainda nao jogou na sua posiçao. Acho no entanto que as características dele nao se enquadram no futebol do Porto mas nao preciso de deturpar factos só para provar isso.

    ResponderEliminar
  19. Alguém que me diga de quem é a culpa de a defesa se desposicionar do lado esquerdo (tenho visto em vários jogos) fugindo toda para o lado direito e de quem é a culpa de num jogo da Liga Europa o Dortmund aparecer com 4 avançados contra três defesas do Porto (golo).

    ResponderEliminar
  20. O que me está a preocupar é esta defesa toda dos adeptos ao Peseiro...

    Da mesma forma que criticavam o Lopetegui por tudo e por nada ( ainda que tivessem muitas vezes razão) defendem o Peseiro de tudo...ele não tem culpa de nada...a culpa é toda da Sad e dos "cepos" dos jogadores.

    O facto das equipas do Peseiro serem sempre absolutamente horríveis a defender é apenas um pormenor...e isso estar a a acontecer mais uma vez aqui deve ser apenas uma coincidência (?)

    Espero que isso não passe para a Sad...O Peseiro até fez um bom trabalho a dar confiança aos jogadores e a tirar as amarras à equipa, jogando um futebol mais ofensivo mas também traz com ele esses problemas defensivos.

    A equipa não tem consistência e duvido que alguma vez tenha/tivesse com o Peseiro. Para além de não ser um treinador que se consiga impor como um manager e pedir os jogadores que quer e gerir da forma que quer. É um Yes man.Alguém acredita que foi ele que 'pediu' o Marega e o Jose Sá? Por favor...não gozem com as pessoas.

    Parece-me ser uma excelente pessoa...tem umas ideias interessantes...mas não pode ser o nosso treinador na próxima época.

    é opinião que tenho e mantenho desde o inicio...não é por ser depois de uma derrota...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. defender peseiro e a unica atitude nobre que se pode ter nesta altura do campeonato todas as outras nao tem boa fe.

      Eliminar
  21. Não culpabilizarei Peseiro por nada do que aconteça até ao final da época. Sabemos que não foi 1a, 2a ou 3a escolha. Aceitou comandar um navio a afundar. Quanto muito devemos é estar-lhe gratos por se ter colocado numa posição em que pouco ou nada terá a ganhar. O homem não tem 2 centrais para colocar a jogar. Não tem um médio ofensivo. Tem 1 equipa com ano e meio de rotinas de futebol inócuo. Uma SAD que pensa 1o em comissões, 2o em comissões, etc. Um Presidente sem condições de saúde para o ser, vices em guerrilhas internas pelas comissões e pela sucessão. A prospecção de jogadores pouco mais é do que o catálogo da doyen.

    E vamos culpar o Peseiro?
    Nem pensar!
    Muico obrigado Peseiro!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. concordo a 100% parece que alguem pretende fazer de peseiro o bode expiatorio dos desastres que sao cometidos ha 5 anos a esta parte salvos pelo minuto 92.

      Eliminar
  22. Há muita coisa a mudar neste Porto. Parece me haver jogadores que estão a fazer os chamados fretes para vestirem a camisola. Falo neste caso de brahimi. Deixou de ser um jogador que jogava para o colectivo para ser um jogador completamente individualista. Ora o Porto não precisa de jogadores assim. Completamente de acordo que o mesmo seja substituído e até que nem seja convocado. Marega é dispensável. Turquia ou até China com ele. Varela mais do mesmo. Fraco. E ontem não se podia pedir muito à equipa. Basta ver o lado esquerdo. Angel e Varela. O que é isto? Varela jamais pode ser titular. Aboubakar lento. Lesma. Inofensivo. Não é só de agora. Não pressiona os defesas contrários. À semelhança de indi não ganha uma bola aérea. Como é possível? O avançado tem que ser o primeiro defesa. Suk dá 10-0. Titularíssimo sem qualquer dúvida. Não me parece que o Dortmund seja melhor do que o Porto. Sinceramente. No primeiro jogo fiquei com a sensação que se o Porto estivesse com a sua equipa em forma o Dortmund não ganharia facilmente ou até nem ganharia. Contudo há um facto preocupante. Nos últimos dois jogos com equipas alemãs o Porto sofreu 10 golos e marcou 4, sendo que contra o Dortmund nem sequer marcou. Os últimos 4 jogos europeus outras tantas derrotas. Peseiro é o tipico treinador português. Vamos perder e tentar que seja por poucos. Como se justifica uma equipa estar a oerder 1-0 aos 23 minutos e o treinador continyar impávido e sereno sem fazer alterações? A jogar em casa? A precisar de marcar. Tinha que ter alterado o sistema. Passar do 4)2-3-1 para o 4-4-2. Tinha que jogar com dois avançados. Não o fez. O Dortmund jigou a seu belo prazer. Defendia num 4-2-3-1 e atacava num 3-5-2. O Porto não. Foi aí que o Porto perdeu o meio campo. E sempre ouvi dizer os jogos ganham-se no meio campo. E Danilo sozinho contra 5 não faz milagres. No final da época tem que haver mexidas. E muitas. Mas nem tudo foi perdido no dia de ontem. O vassalo da associação recreativa e cultural do Alto dos Moinhos vai deixar o conselho de arbitragem. Aleluia. Já agora que leve com ele o árbitro de ontem. Na Suíça um minuto depois de Casimiro ter feito o golo anulou um golo por fora de jogo recirrendo às imagens. Ontem esqueceu se.

    ResponderEliminar
  23. Peseiro com os ovos que tem está a fazer uma boa omelete. Com jogadores de tão fraco nível que mais se lhe pode exigir? Tivemos Janeiro para compor as debilidades do plantel e que fez a Sad? deitou-se a dormir. Se há aqui alguém responsável por esta epoca de miséria é quem ganha 50000 euros mensais e presentemente se está a lixar para o clube preocupando-se é em manter o tacho para mais 4 anos para si filhos e amigos.Os assobios no Dragão devem ser dirigidos para o camarote presidencial e não para a equipa.Se esses acomodados tivessem vergonha na cara davam lugar a outros pois o clube está a bater no fundo.Não há ninguém com coragem para avançar pois ainda devem pensar que o Presidente é o de início,mas enganam-se este não é mais que uma fotocópia tirada numa máquina sem toner.

    ResponderEliminar
  24. NAO CONCORDO COM O TEXTO. Nos nao temos assim tanta qualidade nem no banco nem em lado nenhum e ve se no campo nos mais variados jogos, temos jogadores de qualidade media onde o unico que sabe mexer na bola e brahimi mas nao alarga. Lopetegui afinal tinha razao em querer que os jogadores jogassem devagar e para tras e para o lado porque como se ve em velocodade nao acertam um passe, uma finta, um corte. A REALIDADE E ESTA o que se disser diferente serve para nos iludir. Quanto a treinadores nem guardiola com este porto faria melhor, era impossivel. Peseiro sera o menos culpado alias ter a coragem de vir hoje para um clube e uma equipa como a do porto ja merece destaque duvido que existam muitos treinadores que queiram vir treinar um clube como o porto esta hoje sem rei nem roque. Angel e melhor que rafa? marega que paciencia? evandro que otavio? etc etc. Esperemos ganhar todos os jogos ate ao fim do campeonato mas sera sempre a base de garra e entrega nunca na base de categoria porque a nao temos. Antes dos jogos e nao depois, disse que este porto nunca ga haria ao dortmund que e muitissimo superior hoje, nao vale a pena iludirmo nos a realidade ve se em campo.

    ResponderEliminar
  25. Eis aqui um texto muito bem elaborado, mas...

    Um reparo: aconteceu que os alemães sempre que perdiam a bola destacaram-se 3 jogadores do Borussia para ir de encontro ao portista que detivesse a posse do esférico. A velocidade dos alemães era tanta que lhes permitia recuperarem a bola facilmente...

    Agora os meus bitaites:
    Rescaldo do jogo com o Borussia
    Eu próprio devido ao meu sistema nervoso dormi mal... Mas pensei melhor e resignei-me porque reconheci que com o actual plantel era difícil fazer melhor... Citam Jesus Corona e Brahimi... Pois, na minha opinião estes dois mais o Aboubakar parece-me estarem a atravessar uma fase menos boa, relativamente em baixo de forma, ou seja, a 50 ou 60% do seu rendimento normal. Depois defrontamos-nos com a lesão do Indi e com o facto da FC Porto-Futebol, SAD não ter em devido tempo acautelado o défice que tínhamos dum central de categoria, ao nível do exigível para jogar nos Dragões. Relativamente ao Marega e Suk, na minha opinião, vale o que vale, são dois elementos promissores que ainda estão na fase de adaptação ao Clube e ao futebol da equipa. Possivelmente só renderão o máximo na próxima época.
    Além de que também temos de reconhecer que o Borussia é uma equipa fortíssima recheada de grandes jogadores e que o ritmo do seu futebol é mais elevado do que o praticado pelo FC Porto. Praticam um tipo de futebol mais físico do que o português, com maior capacidade de choque. A mim impressionou-me, acima de tudo, a disponibilidade deles para correrem (autenticas cavalgadas) os 90 minutos do jogo sempre em alto ritmo. De notar que dada a velocidade dos seus jogadores, o Borussia impôs o seu ritmo de jogo, fez circular a bola entre todos os seus elementos como quis e raramente os dragões tiveram pernas para interceptarem/impedirem o seu (deles) futebol. Conclusão: com o actual plantel e com os actuais métodos de treino o FC Porto só com muita sorte conseguirá bons resultados nas provas (internacionais) europeias... É a triste realidade das nossas possibilidades actuais...

    PS - As arbitragens
    Bom tema o da arbitragem abordado por Pinto da Costa. Infelizmente dada a força da imprensa desportiva lisboeta afecta aos dois grandes da segunda circular, antevejo grandes dificuldades para tornarem o sistema da arbitragem mais claro e isento de colinhos...!

    Abraço Portista,
    Armando Monteiro
    www.dragaoatentoiii.wordpress.com

    ResponderEliminar
  26. Ainda com saudades de Lopetegui?
    Como é possível que um golo irregular não seja desculpa para o q aconteceu? Uma coisa era ter que marcar 2 para empatar a eliminatória, outra coisa é ter de marcar 4..
    Comparar este jogo com o de Londres é irrisório.. Lembro mais uma vez que jogamos sem avançados!

    Saudações

    ResponderEliminar
  27. Exibição para não comprometer... Paupérrima.
    O que me é dificil de entender, é como pode o plantel do FCP ser tão desiquilibrado, e ter tantos jogadores emprestados, muitos deles com o FCP a pagar-lhes parte dos salários... Não tenham dúvidas.
    Na defesa não davam jeito Ricardo Pereira, Rafa Soares, Diego Reyes ou até o Abdoulaye?! Não faltavam já centrais em Dezembro? E o que acontece no mês de Janeiro? Não entra NENHUM, mas ainda saem Lichnovsky (emprestimo), Maicon (emprestimo), Mauricio... Isto é impensavel. Vejam o caso do Sporting e vejam quantos centrais tem... Paulo Oliveira, Tobias, Ewerton, Naldo, Ruben Semedo, Coates... 6!!! O meu FCP tem Marcano, Indi (lesionado) e... Chidozie (miúdo que no ano passado jogava nos juniores)... Assim não é possivel. É preferível continuar a comprar GR... Casillas, Helton, Jose Sa, Bolat, Fabiano, Ricardo Nunes, Gudino, Andrés...

    E para quê contratar Marega e manter Varela? Não seria preferível dar mais oportunidades ao Hernani?? Muito melhor tecnicamente que o Marega. Foi exatamente igual... Entra em Janeiro, sai no verão. Veremos se não acontece o mesmo com Marega... Ja foi igual com Djalma, Sami, Licá...E assim se gasta dinheiro... 4 milhões em Marega, quando, por exemplo Bryan Ruiz foi para o SCp por 1 Milhao.....
    E quem fala em Hernani pode falar também em Kelvin, Ivo Rodrigues ou Kayembe...

    E no lugar de médio ofensivo. É gritante a falta de criativos no meio campo... Quintero ou Otavio não teriam lugar?

    É de facto difícil de perceber esta lógica(??)...

    ResponderEliminar
  28. 37% de posse. É nisto que se deviam fixar. Não é admissível, nem contra i Bayern!

    ResponderEliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.