terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Desmistificando

Sai uma nova rúbrica: desmistificando. Teorias ou falsidades que alguns plantam e outros colhem. Por outro lado, uma espécie de desmancha-prazeres ao serviço da verdade.

Numa altura em que já conseguiram a proeza de apontar mais treinadores ao FC Porto do que jogadores espanhóis durante a era Lopetegui, nasceu algures a teoria de que Villas-Boas poderia rumar ao FC Porto por via de um acerto com o Zenit face ao pagamento de Hulk.

Como é óbvio, trata-se de uma mentira, pois o Zenit já não deve um único cêntimo por Hulk. O Zenit devia uma última tranche de 10 milhões de euros à entrada para 2014-15, e esta quantia foi direcionada para o pagamento de uma CCC do BES, que venceu em agosto de 2014.

No final do 1.º semestre de 2015-16, os clubes/empresas que deviam dinheiro ao FC Porto eram estas:

Como veem, o Zenit já não integra a lista de clubes devedores. Mas seguindo essa lógica AVB/Hulk/Zenit, vamos então negociar: descontamos uma bocado do Alex Sandro em troca do Allegri; ou o resto do Mangala a troco do Pellegrini. Pena que o Atlético já tenha pago tudo pelo Jackson, senão ainda dávamos um cheirinho no Simeone.

Que Pinto da Costa e Antero Henrique consigam, rapidamente, concretizar a contratação do novo treinador do FC Porto - ou, pelo menos, que já saibam quem é o alvo, o que já nem parece ser pedir muito. Importa resolver rapidamente a questão, não só para acabarem com essa dança de apontar 50 treinadores ao FC Porto (já agora, é suposto, com a saída de Lopetegui, dar um passo em frente - não é um passo atrás nem um passo ao lado), mas sobretudo para bem da equipa.

21 comentários:

  1. E para si o que é dar um passo em frente? Por exemplo, AVB em Junho seria dar um passo em frente? O Leonardo Jardim seria um passo em frente ou ao lado? e o Marco Silva? Porque ou muito me engano ou será um destes 3 o nosso próximo treinador, a partir de Junho...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Antes de nos preocuparmos com junho temos que nos preocupar com janeiro, fevereiro, março, abril e maio.

      Eliminar
    2. este é o grande problema. maior parte dos adeptos já desistiu desta época quando estamos 4 pontos atrás do primeiro e completamente na luta...

      Eliminar
    3. Unknown: os jogadores e treinador é que não podem desistir. Os adeptos desistem de quê? De apoiar a equipa? Bem pelo contrário! Mesmo que não acreditem que o Porto vá ser campeão (o que é o meu caso) têm mais vontade de ver o Porto jogar e apoiar a equipa treinada pelo Rui Barros que tem muito mais empatia com os adeptos do que quando era treinada pelo Lopetegui, que já tinha esvaziado a fé a quase toda a gente, adeptos e jogadores.

      Eliminar
    4. claro, mais vale ganhar zero do que ganhar algo com o lopetegui..começo achar que o real problema do porto nos ultimos anos é os seus adeptos não perceberem nada de futebol e andaram de olhos bem tapados a imprenhar pelos ouvidos da propaganda q por ai anda

      Eliminar
  2. "Antes de nos preocuparmos com junho temos que nos preocupar com janeiro, fevereiro, março, abril e maio."
    Depende. Se os três alvos, que penso que 99 % dos adeptos do clube consideram que são os melhores, forem impossíveis neste momento, temos que pensar já para Junho sim.
    Eu para mim, fico já muito feliz, que os habituais "insiders" nada sabem. Já é sinal que pelo menos o clube está a blindar este assunto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece evidente, então fazia algum sentido a SAD exigir a quem viesse agora, o mesmo que exigiu ao Lopetegui quando começou a época? Uma coisa é nós adeptos termos esperança em ganhar o campeonato, outra é colocar como objectivo principal a meio de Janeiro e sem treinador principal esse objectivo. Naturalmente que tudo o vier á rede é peixe mas ponho já esta época de lado. Ser campeão? Muito difícil! Ganhar a Taça de Portugal? Sim! Passar o Dortmund? Muito dificil! Ficar em segundo e ter acesso directo á champions? Difícil mas possivel!...

      Eliminar
    2. pois mas com o lopetegui era tudo muito fácil.. agora já é tudo dificil.. olha se calhar o melhor é fechar as portas ate junho fica tudo de licença sem vencimento para poupar para o ano, nâo?

      Eliminar
  3. A demora na apresentação do novo treinador, a meu ver deve-se a:

    1) Ainda não chegaram a acordo com Julen Lopetegui relativamente aos pormenores da rescição;
    2) Qualquer dos treinadores apontados como para dar o tal passo em frente, estão de momento ligados contratualmente a outros clubes (AVB, LJ e MS);

    Como a margem de erro para a escolha do novo treinador está por um fio, após os falhanços de PF e JL, a decisão final não deve estar a ser fácil.

    Temos que dar um voto de confiança à SAD porque analisando as muitas opiniões na BLOGOSFERA PORTISTA verifica-se que nenhum dos nomes ventilados merece 100% de apoio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem que fosse o Mourinho se conseguiria os tais 100%....

      Eliminar
    2. "(...) analisando as muitas opiniões na BLOGOSFERA PORTISTA verifica-se que nenhum dos nomes ventilados merece 100% de apoio."

      Nem 100% de apoio para vir, nem 100% de apoio para não vir. Aparentemente, algumas alminhas até desejam o Bento... E isso sim, é preocupante.

      Imbicto abraço!

      Eliminar
  4. Podem até contratar Mourinho que nada adiantará se, as mudanças de procedimentos obrigatórias na SAD, não se verificarem.

    ResponderEliminar
  5. Será verdade que o "HOMEM" quer TODOS os Ordenados e Prémios de todas as provas como se tivesse ganho ???!!!
    E os adjuntos ???!!!

    Se assim for que CONTA!!!...

    O "Homem" tinha dado claramente a entender que o Presidente nao teria problemas com ele...

    O que existe de verdade no que corre por aí ?

    De qualquer maneira há muito que me parece que a redacção dos contratos com treinadores é totalmente desfavorável aos clubes.

    ResponderEliminar
  6. Está-me a passar algo ao lado, desculpem. O Marselha deve dinheiro ao FCP de que jogador?

    ResponderEliminar
  7. Rui Moreira no Porto Canal dia 14.

    ResponderEliminar
  8. "Importa resolver rapidamente a questão, não só para acabarem com essa dança de apontar 50 treinadores ao FC Porto"

    Quem diz que não poderão já ter um nome? Se calhar, pelo motivo de ainda ao ter chegado a acordo com o JL, não o poderão fazer à CMVM.

    ResponderEliminar
  9. Seja quem for o Treinador, ele será apenas o novo Treinador do FCP.. e todos o devem apoiar.

    A nós, portistas importa é fazer a dobradinha em Maio.

    Seja ele quem for o Treinador.


    ResponderEliminar
  10. Não sou muito de comentar, mas na minha opinião, o passo em frente deverá ser dado pela direção mas em termos de defesa do clube e comunicação com os adeptos/sócios.
    Estamos numa era em que os facebook's; sites desportivos e afins influenciam e muito algumas cabecinhas ocas. Todos sabemos que a imprensa, desportiva e generalista, é Anti-Portista (diria até anti-norte) e o nosso Clube tem de continuar a luta que o nosso Grande Presidente iniciou desde que foi eleito Presidente.
    Outro problema que me parece ser urgente resolver é colocar, á semelhança do que fazem o Sporting e Benfica, um paineleiro com um guião da direção nesses programas (com todo o respeito por estas pessoas, chega de Guedes, Aguiares, etc), tem de ser um paineleiro ao serviço do Clube e não a servir-se do Clube.
    O Porto Canal, sem ser necessário recorrer a anti-benfiquismo/sportinguismo, tem de começar a dar mais tempo de antena ao F.C. Porto e promover o que há de melhor no nosso Clube, em todas as modalidades... O Porto Canal deve aproximar ainda mais os adeptos/sócios com o Porto Clube e não o contrário.
    Todos criticam Lopetegui e Paulo Fonseca, mas nestes últimos 3 anos foram os únicos a defender nosso Grande Clube. É urgente ser a direção a fazer esse trabalho de forma a não desgastar a imagem do treinador. O Lopetegui não é o melhor treinador do mundo, está muito longe de o ser, mas foi um alvo abater desde o primeiro dia, sem que ninguém o defendesse ao contrário dele que por muitos defeitos que tem, defendeu sempre o Clube tendo desgastado muito a sua imagem com essa luta que travou sozinho (a Liga do colinho, 2014/2015, foi a maior vergonha que assistimos até hoje, mas o que fica para a História é a classificação final).
    Para terminar, a direção mais do que escolher um bom treinador, tem de escolher o caminho a seguir, se querem recuperar a luta que travaram ao longo destes últimos anos de glória ou se querem continuar, como diz o rato do Otávio, “caladinhos” e bons rapazes, como eles gostam de nós.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. concordo contigo, lopetegui não foi campeão pois o grande treinador jesus, o de futebol da paulada das placagens e da retranca, passou a época a jogar contra 10, a anularem golos limpos aos adversários, a marcarem tudo e mais alguma coisa a seu favor e nada contra..não foi 1 ou 2 jogos foram quase todos.. onde andaram os portistas principalmente os da direcção? talvez no meio do mundo económico a ver se metem mais algum ao bolso com algum negocio.. já do Otário, perdão, Otábio acho que os portista se deviam lembrar do que se passou com o capitão Gomes no final dos anos 80 quando Otácio pertencia a equipa técnica do porto e que se auto intitulava um homem á porto mais que qualquer outro..nessa altura o Gomes acabou suspenso quando era capitão e o melhor marcador da equipa e esse sim um verdadeiro homem á porto, nessa época o porto acabou por não ganhar nada com um excelente plantel. pois hoje podem ver facilmente que tipo de homem a porto que era otápio e por quem é que ele é ferrenho..na altura pinto da costa defendeu-o e suspendeu o gomes, este acusou depois na tv que otásio era um bufo mais de 20 anos depois otário é um dos homens fortes do sporting! pinto da costa tem muitas qualidades, mas acho que tem o grande defeito de muitas vezes não se rodear das pessoas certas! vou especular agora, pois na realidade não sei mas cheira-me que andam por ai mais ratos ou bufos dentro da estrutura portista

      Eliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.