terça-feira, 17 de março de 2015

Do Machado ao Matias

O FC Porto não se limitou a expressar a sua indignação com Cosme Machado através das intervenções de Pinto da Costa e Lopetegui. O JN traz-nos hoje a notícia de que o FC Porto apresentou uma denúncia e a Comissão de Análise e Recurso deu razão: Cosme Machado fez, oficialmente, a pior arbitragem da época em Braga, em prejuízo do FC Porto.

A CAR dar razão aos clubes é pouco habitual, pois é um organismo que tem que avaliar as decisões na perspectiva dos árbitros. Para se ter noção do quão raro é a CAR penalizar os árbitros (neste caso a avaliação que é feita pelos observadores), o Sporting há um ano fez um protesto contra Manuel Mota. Resultado: a nota de Manuel Mota foi melhorada.

Ora na Taça da Liga, foi este o parecer dado pela CAR:


Um cartão vermelho por mostrar num lance em que não houve sequer cartão. Evandro é mal expulso e deixa o FC Porto a jogar com 9. E Tiago Gomes, o tal ex-jogador do Benfica que teve a infelicidade de sofrer a primeira expulsão da carreira na Liga em pleno Estádio da Luz, também escapou à expulsão.

Cosme Machado
Entretanto, que tem feito Cosme Machado? É nomeado normalmente, sem punições, sem jarra. Um árbitro que tem acumulado protestos de Lisboa ao Minho, e sobretudo pela segunda liga. O Freamunde ainda tenta, mas pelo meio já levou uma machadada. Quem está mais perto? O Covilhã, que na próxima jornada vai ter... Cosme Machado. Bela sopinha.

Regressando à decisão da CAR. Soubemos através do JN que o FC Porto fez a denúncia... na Taça da Liga. Ora nenhum adepto pode aceitar que o FC Porto lute mais junto das instâncias desportivas na Taça da Liga do que no Campeonato. É que na Taça da Liga falamos de um jogo. No Campeonato são jornadas e jornadas. Nenhum portista aceitará que os dirigentes do FC Porto já tenham lutado mais pela continuidade na Taça da Liga do que pela integridade do Campeonato. Por isso só podemos acreditar que a CAR tenha recebido queixas pelo que tem acontecido na Primeira Liga, como por exemplo uma patada na cara na grande área que nem falta dá. Só para citar o caso mais recente.

JN, 17-03-2015
E a CAR, já aqui foi dito, poucas vezes dá razão aos clubes. Por isso quase se arrisca a dizer que concorda com o FC Porto porque este protesto não prejudica terceiros, isto é, não coloca em causa a classificação do Campeonato, e na Taça da Liga o vencedor do grupo seria sempre o FC Porto. Ao longo de toda a época, em termos de Campeonato não se ouviu nada sobre a CAR. Total silêncio. Que seja sinal que não há fugas de informação, como terá havido para o JN, e não que isto signifique o silêncio do FC Porto. Nenhum portista admitiria isto.

Votos para que Cosme Machado não volte a arbitrar. Não no FC Porto, mas no futebol português. 

E agora pelos vistos é necessário rever os regulamentos de disciplina. Escreve o Record que Tiago Rodrigues não pode defrontar o FC Porto devido a castigo. Até onde se sabe, a suspensão surge ao 5º cartão na liga, não ao segundo, que é o número de cartões que Tiago Rodrigues já viu ao serviço do Nacional.

Marco Matias
Mas a propósito deste tema, uma vez mais temos que agradecer a bem disposta e hilariante tentativa de algumas alminhas em argumentar sobre um benefício ao FC Porto com base no número de suspensões. Agora é Marco Matias, jogador formado no Sporting e assumidamente sportinguista, que é suspenso. Ninguém está preocupado em saber se viu bem ou mal o cartão amarelo, o escândalo é que não joga contra o FC Porto. 

Mas se é isso que está em causa e só interessa o número de suspensões, não a sua justiça, então ainda vai ter que haver muito e bom jogador a ser suspenso para não defrontar o FC Porto, pois ainda vamos longe do recorde do Benfica: 17 jogadores suspensos, 6 ex-jogadores que não jogaram sem haver impedimentos físicos e o único clube do futebol português que veta a utilização de jogadores que são pagos por outros clubes (Deyverson e Miguel Rosa - e agora que se faz ao Pelé e ao Dálcio?). Já para não falar que Sérgio Oliveira defrontou o FC Porto, em pleno Dragão, já depois de ter assinado contrato. 

Uma curiosidade pequena: Nuno Almeida foi quem mostrou o cartão a Marco Matias. Quem é Nuno Almeida? Um árbitro do Algarve... que só serve para arbitrar em Lisboa. 9 jogos com o Benfica, todos no Estádio da Luz. Saldo: um empate (o primeiro, em 2005) e 8 vitórias, sete delas consecutivas sem sofrer golos (andamos todos a elogiar o registo defensivo de Lopetegui, mas só agora apanhámos o Benfica/Nuno Almeida). E quanto ao Sporting? 11 jogos consecutivos em Alvalade. Só esta época, ao 12º, é que finalmente arbitrou fora de Lisboa, para acompanhar a dificílima deslocação do Sporting a Espinho. No jogo seguinte, voltou a Alvalade. Como Nuno Almeida gosta tanto de Lisboa e Marco Matias nasceu lá perto, se calhar foi por isso que suspendeu o avançado do Nacional: assim pode ir passar o fim-de-semana à terra natal. 

Ou se calhar achou que o avançado formado no Sporting, ao tentar fazer exactamente o mesmo que Gaitán fez contra o Braga (atirar-se para o chão à procura da falta), merecia ver o cartão. Se calhar, da mesma forma que os benfiquistas se indignam com Marco Matias, os rivais do Rio Ave também vão revoltar-se contra Gaitán.

6 comentários:

  1. Um post apropriado e bem esgalhado!

    ResponderEliminar
  2. Collina e os bloqueios encarnados:

    http://desporto.sapo.pt/futebol/primeira_liga/artigo/2015/03/17/imprensa-italiana-destaca-bloqueios-do-benfica

    ResponderEliminar
  3. A car já não tem interferência na classificação dos árbitros. Prevalece a classificação do observador.

    ResponderEliminar
  4. Bom artigo como é habitual.
    Porém, com todo o respeito que merece, quero deixar aqui o meu reparo e desilusão para a forma como vê a segunda liga.
    Dizer que o Chaves e o Tondela têm sido muito beneficiados não corresponde à realidade. Nos últimos jogos começaram a haver mais criticas sobre as arbitragens nos jogos do Chaves, porém, isto tudo por um penalti mal assinalado a favor do Chaves num jogo que valeu o empate ou a vitória. O resto das criticas, são criticas sem fundamento, apenas vêm o que houve um penalti perto do fim do jogo, porém nem se dignam a ver se houve ou não infracção.

    ResponderEliminar
  5. O Tiago tem 3 amarelos no PortoB esta época. Agora com estes 2 faria 5...será isso?

    ResponderEliminar
  6. Por mim, ando feliz e contente com o shift do discurso lampionico. Já passou do "dentro do campo é que se ganha", para o "é um escândalo esta roubalheira dos corruptos de sempre". Ou seja, devagarinho estão a voltar ao sítio: segundos. Porque quando os primeiros começam a desencantar justificações para o caso de não ganharem, isso significa que eles próprios acreditam pouco. E nós não vamos desistir!

    ResponderEliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.