quarta-feira, 23 de julho de 2014

André Silva, uma pérola que pode sair a custo zero

Antes do entusiasmo, a realidade: o FC Porto volta a desvalorizar (ou a secundar) o potencial das pérolas que tem na própria formação. Depois de Gonçalo Paciência, o melhor avançado português sub-21, ter renovado apenas em abril e só até 2016 (desde janeiro que podia ter assinado por outro clube, mas o portismo falou mais alto), agora é André Silva que pode assinar por outro clube a partir de janeiro.

Contrato acaba em 2015
Cinco golos em dois jogos no Europeu de sub-19, números que não surpreendem. Tal como Ibrahimovic, cresceu com as artes marciais. Fez grande parte da formação como médio-ofensivo e extremo, mas perante a falta de pontas-de-lança nos quadros do FC Porto foi testado na posição 9. Nunca mais de lá saiu. Com 15 anos podia ter ido para o AC Milan, mas continuou agarrado ao sonho: singrar no FC Porto.

O Tribunal do Dragão ouviu que o contrato do avançado de 18 anos acaba em 2015, por isso em janeiro pode assinar por outro clube. E de certeza que os olheiros na Hungria não estavam a preenches sudokus enquanto André Silva fazia um poker. No último ano, houve quem tivesse renovado duas vezes, mesmo sendo um jogador da formação. Já o melhor avançado sub-19 português, está a pouco mais de cinco meses de poder sair.

Gonçalo Paciência foi despromovido à equipa B. Haverá espaço para ambos no 4-3-3 de Luís Castro? De qualquer forma, a preocupação do momento é outra: o FC Porto tem que se batalhar pela renovação de André Silva com a mesma força com que vai negociar um Caballero (com o devido respeito pelo jogador, é apenas usado como exemplo) à América do Sul. Porque de certeza que o FC Porto não encontra, neste momento, nenhum avançado de 18 anos melhor em parte nenhuma. E este tem sangue azul.

Reportagem de Miguel Marques Monteiro, no Porto Canal:


PS1: Cinco jogadores do FC Porto titulares na selecção sub-19 que se qualificou para as meias-finais do Europeu. André Silva já dispensa apresentações. Rafa é o melhor lateral-esquerdo português da sua geração e será titularíssimo na B (haja coragem para ser lançado na A durante a época); Podstawski confirma que o FC Porto tem dois excelentes 6 de grande potencial (Rúben Neves o outro) para o médio prazo, e o provável é que jogue Tomás na B, pois Rúben Neves ainda é sub-19; Francisco Ramos vai cumprir o primeiro ano de sénior, na equipa B, e é mais um talento made in Póvoa para ser lapidado no Dragão; Ivo Rodrigues é o extremo habilidoso que o FC Porto não tinha na sua cantera há, talvez, dez anos. Lopetegui tem aqui muito por onde apostar. Mas não é Lopetegui quem tem que decidir a aposta na formação, até porque não foi o treinador a permitir que algumas destas pérolas chegassem a fim de contrato.

16 comentários:

  1. Boas

    Calma, o André vai renovar, se ele gosta do Porto não vai sair assim. Só que agora vai pedir mais dinheiro. Já agora qual é o empresário dele?

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Talvez isso explique muita coisa...

      Eliminar
    2. Estranho não ter empresário( acho eu). Há muitos outros jovens da formação que também não têm um?
      O único que suponho que tenha um empresário "jeitoso" é o Mikel.

      Eliminar
  2. Se o clube deixa sair estes miúdos cheios de talento, é caso para ir à SAD e espetar uma valente bofetada a todos.

    Há anos que não temos tanto talento nas camadas jovens. É obrigatório apostar nelas. Já tenho saudades de ver um portista de gema a brilhar com o emblema ao peito.

    ResponderEliminar
  3. É inacreditável a gestão dos contratos da maioria dos miúdos da nossa formação.
    Felizmente o portismo de muitos vai ajudando a disfarçar muitas gestões à quem do esperado.

    ResponderEliminar
  4. pois mas se apareceum ganancioso como o baldé no sporting la vão todos...

    ResponderEliminar
  5. A situação do Gonçalo é assim tão grave?
    Tinha esperanças que tivesse algum espaço na A, recorrendo à B para preencher a experiência. É óbvio que seria sempre 3a opção, mas com as taças e uma boa rotatividade + lesões, acabaria por fazer alguns bons jogos, se tivesse um treinador que o deixasse jogar. O contrário é mau, porque ele renovou com a ilusão que seria aposta. Mesmo que Jackson saia, terá sempre 2 à frente dele, e portanto será adiar pelo menos mais um ano a evolução dum jogador que tem tudo para dar certo no Porto. O mesmo para o André, sendo que este tem a agravante de ter todos os outros + o Gonçalo à frente.

    Em tom de brincadeira, poderíamos nós sócios criar um fundo de investimento, assinar com o André no fim do ano e enviá-lo para as reservas dum Pachuca qualquer desta vida, mudando o nome para Andrés quando lá chegasse. Certamente não demoraria 2 anos até o Simonian querer colocá-lo num qualquer clube português que tanto dinheiro lhe tem metido no bolso.


    AA

    ResponderEliminar
  6. Isto cheira a amadorismo. Logo agora que tínhamos excelentes jogadores para dar o salto. Ta bem ta mais vale acabar com a formação. Formar para os outros tem tem sentido nenhum.
    Obrigado por mais um excelente posto.

    ResponderEliminar
  7. O Braga contratou um defesa central por intermédio do Jorge Mendes por 9,5M um tal de Wallace.

    O Benfica emprestou ao Braga o Djavan que tinha sido contratado à Académica ainda neste período de transferências.

    Algo aqui me mete confusão. Algum comentário TdD?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não tem nada a ver com o FC Porto, logo não motiva interesse.

      Eliminar
    2. A partir do momento em que não conseguimos tirar proveito de negócios com o Braga e o clube da segunda circular consegue. Penso que é com alguma naturalidade que se deve desconfiar de qualquer movimentação deste género.

      Apenas perguntei pelo simples facto de puder estar em posse de informações que não fossem deliberadamente públicas. Ainda assim obrigado!

      Eliminar
  8. Boa noite! É com grande prazer que tenho acompanho este blog, devido aos temas interessantes que aqui são abordados e por algumas informações pertinentes que passam ao lado da maioria dor Portistas e que a imprensa não fala.
    Resolvi participar porque considero a formação é um assunto do dia, e que muita gente fala mas sem perceber o que está realmente em causa. Não concordo quando se critica o FC Porto por não apostar na formação nos últimos e parecer continuar com esta tendência.
    -1º não se pode apostar na formação (apostar na formação é trazer jogadores formados no clube para a equipa A) quando na realidade não há talento, quando não há jogadores com qualidade. E foi o que aconteceu nos últimos anos. Basta olhar para a selecção e ver que foi umas das selecções mais velhas do mundial. E olho para os jogadores portugueses e não vejo num futuro próximo (2,3 anos) que haja uma renovação com qualidade da selecção.
    -2º não é por mandar jogadores da formação para a equipa principal que eles se tornam jogadores de topo. É realmente necessário que eles tenham qualidade. Vejamos os casos de Castro, Vieirinha, Paulo Machado, Ukra, Tiago Ferreira, etc, Não digo que são bons jogadores mas não estão ao nível que o Porto nos tem habituado. Tozé esperemos para ver, o empréstimo veio na altura certa.
    -3º Josué é um jogador que eu gostava de ver neste plantel, e fiquei triste com a sua dispensa. Mas a abordagem que otribunaldodragao fez sobre esta situação deixou-me esclarecido (se o jogador pretende sair para jogar com frequência, compreendo)
    -4º Não se pode apostar na formação se a equipa principal não estiver sólida e forte. O que não aconteceu no ano passado. Logo é necessário reforçar a equipa para o imediato e é o que o FCP está a fazer e muito bem. O caso do Sporting é diferente, pela falta de qualidade do plantel os jogadores da formação pegam de estaca. Mas aí o máximo que eles podem lutar é pelo 2º, 3º lugar.
    -5º acredito que agora sim estão a surgir jogadores da formação com enorme qualidade: Destaco G. Paciêcia, Rafa, André Silva, Ivo?, Rubén Neves.(é com pena que não vejo um central do Porto a despontar :( Basta olhar para as selecções de sub 19 até à sub 21 que se estão a formar excelentes equipas
    6º por último, para o ano sim, será altura de apostar em jogadores vindos da formação. Estes jogadores já estarão mais maduros, e acredito que a equipa principal será uma equipa sólida e ganhadora.
    Saudações Portistas e parabéns pelo blog
    Marco Ferreira

    ResponderEliminar
  9. Boa noite,

    Uma pequena correção: não foram dois golos em cinco jogos, foi o oposto. :)

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  10. Olá
    Tantos dragões à espera de uma oportunidade.
    Oxalá a tenham....antes que «mudem de ares».
    Cumprs
    Augusto

    ResponderEliminar
  11. Boa tarde a todos os Dragões...
    O André Silva, na minha humilde opinião é mais um caso em que os dirigentes e outras pessoas não vão " mamar " com a transferência e esquecem o jogador. Um caso que me é difícil entender é o Iturbe, o que se terá passado? Estou á espera que o Iturbe tenha coragem de explicar, sem ter medo de acusar fulano A ou B. Lembro-me do empresário dele ter dito, que quando deixasse de ser jogador do FC Porto ia contar e apontou o dedo ao Antero Henrique. Em relação ao Caballero, para mim é grande jogador, mas é preciso ter coragem de apostar nele. E neste caso o Luís Castro não teve, começou a apostar no Kleber e esqueceu-se do Caballero e de não esquecer do Vion que ainda vão ouvir falar muito dele. Já estou com saudades de ver o NOSSO PORTO português...com jogadores portugueses á porto. Com a mística do Porto, jogadores que comiam a relva, jogadores que preferiam partir do que quebrar, jogadores que sentiam a camisola...jogadores como Jorge Costa, Paulinho Santos, João Pinto, Vítor Baia, Domingos, Fernando Couto e o nosso "português" Aloísio...entre outros PORTISTAS.
    Se me derem autorização deixo aqui o meu blog em que falo do FC Porto como de resto sobre futebol. http://krakesdabola.blogspot.pt/

    Cumprimentos
    Rui Ferreira

    ResponderEliminar

De e para portistas, O Tribunal do Dragão é um espaço de opinião, defesa, crítica e análise ao FC Porto, que aborda a atualidade desportiva e financeira de clube e SAD, bem como do futebol português.

Quem confundir liberdade de expressão com injúria, insulto, mentira ou difamação não passará pelo lápis azul. Todo o spam será apagado. Comentários anónimos são susceptíveis de não serem publicados. Nicknames são permitidos.